Coronavírus

Minas Gerais Supermercados e padarias de BH não vão abrir aos domingos

Supermercados e padarias de BH não vão abrir aos domingos

Decisão foi tomada pela prefeitura em reunião com representantes do setor; apenas farmácias e postos de combustíveis poderão abrir

  • Minas Gerais | Pollyana Sales e Rayllan e Oliveira, da Record TV Minas

Supermercados e padarias não vão abrir no domingo

Supermercados e padarias não vão abrir no domingo

Reprodução / Pixabay

Supermercados, padarias e lojas do Mercado Central de Belo Horizonte não poderão funcionar aos domingos na capital mineira. A medida entra em vigor neste próximo domingo (28) e vale por prazo indeterminado.

A decisão foi tomada pela prefeitura em reunião com representantes dos setores e tem como objetivo restringir ainda mais a circulação de pessoas e diminuir a disseminação do novo coronavírus. As atividades industriais também ficarão suspensas nesses dias.

Com a decisão, apenas farmácias e postos de combustíveis vão poder funcionar aos domingos. Supermercados, sacolões, lanchonetes, lojas de conveniência, açougues e similares só poderão atender seus clientes por delivery ou drive-thru.

Veja: Ocupação de leitos de UTI em Minas vai a 94% e bate recorde

Em nota, a Amis (Associação Mineira de Supermercados) afirmou foi comunicada da decisão da prefeitura e que está disposta a colaborar com as autoridades para “superar esse momento difícil”, mas alegou que qualquer medida que reduza o funcionamento de serviços essenciais significa menos alternativas para os clientes, gerando aglomerações nos horários de funcionamento.

A Amis informou que vai acompanhar as consequências dessa decisão, principalmente em relação às dificuldades operacionais e ao comportamento dos consumidores. A associação recomenda que os clientes façam suas compras em horários alternativos.

Últimas