Novo Coronavírus

Minas Gerais Transmissão da covid em BH atinge maior patamar dos últimos 55 dias

Transmissão da covid em BH atinge maior patamar dos últimos 55 dias

Índice chegou a 1,08 e igualou o registrado no dia 31 de março; capital mineira soma 4.967 mortes e 202.423 casos da doença

Transmissão da covid tem 3º aumento seguido

Transmissão da covid tem 3º aumento seguido

Reprodução / Pixabay

A taxa de transmissão da covid-19 em Belo Horizonte registrou o terceiro aumento seguido e chegou, nesta terça-feira (25), a 1,08, o maior patamar dos últimos 55 dias.

O índice se igualou ao registrado no dia 31 de março, quando o comércio não essencial estava fechado, segundo as determinações da prefeitura. A taxa permanece na ‘fase de alerta’, indicando uma aceleração na disseminação do vírus na cidade.

Nas últimas 24 horas, foram registrados 46 óbitos e 1.393 testes positivos para a covid-19. A capital mineira contabiliza 4.967 mortes e 202.423 casos da doença. Outras 189.830 pessoas estão curadas e 7.626 continuam em acompanhamento.

Veja: BH tem 100 mil casos de covid em 3 meses e passa de 200 mil infectados

A ocupação dos leitos de terapia intensiva para pacientes com o novo coronavírus reduziu de 79,5% para 78,2%. Dos 1.063 quartos de UTI na rede pública e privada da capital, 831 estão com pacientes neste momento e 232 estão livres. O índice segue no alerta vermelho

No caso dos leitos simples, a ocupação subiu de 62,4% para 63,8%. A capital possui 2.089 quartos de enfermaria, sendo 1.332 ocupados e 757 disponíveis. O indicador está no nível amarelo.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Nascimento

Últimas