Novo Coronavírus

Minas Gerais Transmissão da covid em BH segue em alta e ocupação de UTI cai

Transmissão da covid em BH segue em alta e ocupação de UTI cai

Índice de contaminação na capital agora é de 1,01 e os óbitos chegaram a 855; já os leitos intensivos, no entanto, estão com 61,3% de ocupação

  • Minas Gerais | Célio Ribeiro*, do R7

Reprodução / Pixabay

A ocupação dos leitos de terapia intensiva e a taxa de transmissão da covid-19 (ou Rt) em Belo Horizonte seguem caminhos inversos. Enquanto as UTIs vão ficando menos lotadas, a transmissão do novo coronavírus vem aumentando nas últimas semanas.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta quarta-feira (19) pela Prefeitura da capital, a ocupação dos leitos de UTI chegou a 61,3%, mantendo a tendência de queda da última semana.

Por outro lado, a taxa de transmissão por infectado (ou Rt) vem subindo desde a reabertura do comércio em Belo Horizonte. Cerca de duas semanas após bater a mínima histórica, o índice voltou a subir e chegou a 1,01, retornando ao ‘nível amarelo’.

Veja: Após 4 dias, Minas volta a registrar mais de 100 mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, Belo Horizonte confirmou mais 16 óbitos pela covid-19 e o total chegou a 855. Mais 417 pessoas tiveram teste positivo para o novo coronavírus, e o número de casos confirmados chegou a 29.690. O número de curados chegou a 25.776.

Nesta quarta-feira (19), o comércio não essencial na capital mineira voltou a funcionar pela terceira semana seguida. A expectativa é de que a Prefeitura faça uma análise dos dados para definir as próximas medidas. Existe a possibilidade de novas flexibilizações, como a reabertura de parques e praças e até mesmo o retorno dos bares e restaurantes na hora do almoço.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Flavia Martins y Miguel.

Últimas