tragédia brumadinho
Minas Gerais Treinamento para rompimento de barragem afeta 19 mil em Minas

Treinamento para rompimento de barragem afeta 19 mil em Minas

Moradores de 27 bairros de Itabira que poderiam ser atingidos por até seis barragens de mineração farão simulado coordenado pela Defesa Civil

Barragem do Pontal é uma das que pode atingir moradores em caso de rompimento

Barragem do Pontal é uma das que pode atingir moradores em caso de rompimento

Reprodução / Google Maps

A Defesa Civil de Minas Gerais realiza neste sábado (17) o maior simulado de emergência em uma cidade ameaça por barragens de mineração no Estado. Cerca de 19 mil moradores de Itabira, a 106 km de Belo Horizonte, foram convocadas pelas autoridades a participar do treinamento, que tem como objetivo preparar moradores para um eventual rompimento. 

O simulado está marcado para as três da tarde deste sábado e afeta mais de 8.000 imóveis, localizados em 27 bairros da cidade. Essas áreas estão nas ZAS (Zonas de Autossalvamento) de seis barragens localizadas no município: Itabiruçu, Conceição, Rio de Peixe, Sistema Pontal e Cambucal l e ll. A ZAS é a área mais próxima à barragem, que seria a primeira a ser atingida pela lama de rejeitos em uma situação de rompimento.  

O simulado também abrange moradores que vivem nas ZSS (Zonas de Segurança Secundária) urbana das barragens de Itabiruçu e Conceição, que ficam um pouco mais afastadas mas que, mesmo assim, seriam atingidas pela lama. De acordo com a Defesa Civil, os funcionários da mina Conceição que estiverem trabalhando no horário do simulado, também participarão. 

Simulados

Desde o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, em 25 de janeiro deste ano, a Defesa Civil estadual já realizou oito simulados de emergência em comunidades que vivem no entorno de barragens de minério no Estado. 

As cidades de Barão de Cocais (duas vezes), Santa Bárbara, Itabirito, Nova Lima, Raposos, São Gonçalo do Rio Abaixo e Conceição do Mato Dentro participaram dos treinamento. itabira