Coronavírus

Minas Gerais Vacinação contra a covid-19 em BH chega ao público com 42 a 44 anos

Vacinação contra a covid-19 em BH chega ao público com 42 a 44 anos

Moradores com 44 anos serão imunizados sábado (10), enquanto aqueles com 43 e 42 recebem a 1º dose entre segunda e quarta

  • Minas Gerais | Célio Ribeiro*, do R7

Prefeitura vai ampliar vacinação contra a covid

Prefeitura vai ampliar vacinação contra a covid

Reprodução / Free Pik

Belo Horizonte anunciou, nesta terça-feira (6), a ampliação da vacinação contra a covid-19 para os moradores entre 44 e 42 anos. O grupo mais velho já começa a ser imunizado a partir deste sábado (10).

O Executivo aproveitou para convocar os idosos com 62 e 61 anos para receber a segunda dose do imunizante a partir da próxima semana, em dias intercalados com o público em geral.

Veja o calendário de vacinação:

- Sábado (10):  pessoas de 44 anos completos até dia 31 de julho;
- Segunda-feira (12): pessoas de 43 anos completos até dia 31 de julho;
- Terça-feira (13): segunda dose para idosos de 62 anos;
- Quarta-feira (14):  pessoas de 42 anos completos até dia 31 de julho;
- Quinta-feira (15): segunda dose para idosos de 61 anos.

Para receber a primeira dose, o morador precisa apresentar documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência, além de não ter recebido nenhuma outra vacina nos últimos 14 dias nem ter tido sintomas da covid-19 nos últimos 30 dias. Os idosos que forem receber a segunda dose também precisam apresentar o cartão de vacinação.

A campanha será realizada no sábado (10) de 7h30 às 14h nos postos fixos e das 8h às 14h nos pontos de drive-thru. Já durante a semana o atendimento vai até às 16h30 tanto nos postos fixos quanto nos pontos de drive-thru. A lista completa com os mais de 150 locais de aplicação é atualizada diariamente e pode ser consultada neste link.

Até esta segunda-feira (5), Belo Horizonte já havia recebido 2.054.107 vacinas contra a covid-19, tendo aplicado quase 1,6 milhão delas. Dos quase 2,5 milhões de habitantes da capital mineira, cerca de 45% receberam a primeira dose e 17% estão totalmente imunizados.

Confira o avanço da vacinação pelo Brasil:

*​Estagiário do R7 sob a supervisão de Flavia Martins y Miguel.

Últimas