tragédia brumadinho
Minas Gerais Vale anuncia repasse de mais R$ 65 mil para atingidos por barragem

Vale anuncia repasse de mais R$ 65 mil para atingidos por barragem

Valores serão destinados a pessoas que moravam nas áreas atingidas e para famílias que tinham atividades rurais ou comerciais na região

Gerente da Vale disse que doações são cumulativas

Gerente da Vale disse que doações são cumulativas

Reprodução / Record TV Minas

A Vale anunciou, na tarde desta sexta-feira (1°), o repasse de mais R$ 65 mil às famílias vítimas do rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

De acordo com Sérgio Leite, gerente executivo de relações institucionais e sustentabilidade da empresa, a medida trata-se de uma “ajuda financeira de caráter humanitário”. Os pagamentos não têm relação com futuras indenizações.

Os valores, que são cumulativos, serão distribuídos da seguinte forma:

    • R$ 50 mil para famílias que residam na área impactada
    • R$ 15 mil para famílias que tinham atividade rural ou comercial na área impactada

Repórter do R7 relata desolação e medo 7 dias após tragédia em MG

Anteriormente, a companhia já havia anunciado o repasse de R$ 100 mil às famílias dos mortos e desaparecidos na tragédia. O cadastro das pessoas que serão beneficiadas começou nesta quinta-feira (31). 

Questionado se pescadores da região que tiveram suas fontes de renda afetadas também receberão o benefício, Leite destacou que “se estiverem na zona de impacto, serão considerados”. Ainda segundo o gerente, a previsão é de que cerca de 100 famílias recebam a gratificação.

Veja o antes e depois da área afetada:

R7