tragédia brumadinho

Minas Gerais Vale deverá pagar R$ 500 mil a avós de vítima de Brumadinho (MG)

Vale deverá pagar R$ 500 mil a avós de vítima de Brumadinho (MG)

Juíza alegou que a morte do auxiliar de serviços gerais no rompimento da barragem da empresa casou "profunda angústia" nos parentes

  • Minas Gerais | Marina Avelar*, do R7

Rompimento da barragem da Vale deixou 259 mortos

Rompimento da barragem da Vale deixou 259 mortos

Pablo Nascimento/R7 MG

Os avós de uma das vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, deverão receber da empresa R$ 500 mil em indenização por danos morais. 

De acordo com a juíza Vivianne Célia Ferreira Ramos Correa, do TRT (Tribunal Regional do Trabalho), a decisão foi tomada após ficar comprovada que a morte do auxiliar de serviços gerais causou “profunda angústia” nos parentes.  

Leia mais: Vale deve pagar R$ 13 mi por ajuda de bombeiros em tragédia

Na sentença divulgada nesta quinta-feira (25), data em que a tragédia completa um ano e cinco meses, a magistrada considerou como "razoável", a quantia de R$ 250 mil para cada um dos idosos, que não dependia financeiramente da neta.

Segundo o TRT-3 (Tribunal Regional do Trabalho da Terceira Região), a Vale recorreu da decisão.  Em nota a mineradora confirmou que o processo segue em andamento na Justiça e que a empresa é sensível a situtação da família.

Tragédia

O rompimento da barragem da Vale deixou 259 mortos e 11 desaparecidos em 2019. As buscas para encontrar as vítimas foram suspensas no dia 21 de março devido à pandemia do novo coronavírusO Corpo de Bombeiros informou que a previsão de retomada das buscas será a parir de julho.

Veja a nota na íntegra

"A Vale esclarece que o processo ainda está em andamento na Justiça, que a empresa é sensível à situação da família e respeita a privacidade dos envolvidos."

*Estagiária do R7 sob a supervisão de Pablo Nascimento

Últimas