Novo Coronavírus

Minas Gerais Veja a lista de 332 cidades que seguem na onda roxa em MG

Veja a lista de 332 cidades que seguem na onda roxa em MG

Segundo dados do governo, quase 6 milhões de habitantes vivem nos municípios que ainda estão na fase mais restrita de isolamento

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento e Célio Ribeiro*, do R7

Apenas serviços essenciais funcionam na onda roxa

Apenas serviços essenciais funcionam na onda roxa

Divulgação / Agência Minas

O Governo de Minas anunciou, nesta quinta-feira (15), que 332 das 853 cidades do Estado vão seguir, por mais uma semana, na ‘onda roxa’, a mais restrita do plano Minas Consciente. Esses municípios abrigam mais de 6 milhões de habitantes.

Esta será a primeira vez em um mês que os municípios na etapa com maior restrição serão minoria. Todas as demais 521 cidades vão para a onda vermelha, a terceira na escala de quatro fases, na próxima segunda-feira (19).

Segundo comunicado da Secretaria de Saúde, não podem avançar, por enquanto, as prefeituras que fazem parte das macrorregiões Leste, Centro-Sul, Oeste, Nordeste e Vale do Aço e das microrregiões de Viçosa, Sete Lagoas, Ponte Nova, Ouro Preto, João Monlevade, Itabira, Ganhães. Veja a lista completa das cidades neste link.

Veja: Kalil adia decisão sobre reabertura do comércio em Belo Horizonte

A ‘onda roxa’ do plano Minas Consciente permite apenas o funcionamento dos serviços considerados essenciais, como supermercados, bancos, farmácias, transporte público, indústrias, entre outros. Inicialmente, também era previsto um toque de recolher das 20h às 5h, mas essa medida foi revogada pelo Governo de Minas.

Flexibilização

Nesta quinta-feira (15), o Governador Romeu Zema (Novo) anunciou que a região metropolitana de Belo Horizonte e mais quatro macrorregiões do Estado poderiam avançar para a ‘onda vermelha’, que permite o funcionamento de todas as atividades comerciais e até a realização de eventos presenciais com até 30 pessoas.

As microrregiões de Curvelo e Manhuaçu também avançaram. As medidas devem ser publicadas no Diário Oficial na sexta-feira (16) e entrar em vigor na segunda (19).

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Nascimento

Últimas