Novo Coronavírus

Minas Gerais Veja quem se vacina hoje em BH e para quais grupos falta 2ª dose

Veja quem se vacina hoje em BH e para quais grupos falta 2ª dose

Aplicação do reforço está suspensa para os idosos de 67 a 64 anos até que o município receba mais remessas da CoronaVac

Pessoas com 60 anos recebem a primeira dose

Pessoas com 60 anos recebem a primeira dose

Bienvenido Velasco/EFE - 21.04.2021

Belo Horizonte segue, nesta terça-feira (4), com a vacinação contra a covid-19 para parte do grupo prioritário, enquanto a imunização dos idosos de 67 a 64 anos, presvista para esta semana, está suspensa.

Mesmo que o cartão de vacina destes idosos indique que eles devem procurar um posto de saúde nos próximos dias, a prefeitura explica que não irá atender o grupo no momento, uma vez que não há doses da CoronaVac suficientes.

O problema é causado por um atraso no envio dos imunizantes. A situação se repete em outras cidades brasileiras. "Seguindo a orientação do Plano Nacional de Imunização, a Secretaria Municipal de Saúde não guardou as segundas doses de CoronaVac para os públicos de 67, 66, 65 e 64 anos. Tão logo as vacinas sejam entregues, haverá continuidade da aplicação de segundas doses do imunizante", destacou a Prefeitura de BH em nota.

Levantamento da Secretaria de Saúde aponta que são necessárias 80 mil doses da CoronaVac para vacinar os idosos de 67 a 64 anos. O estoque do município dedicado a este grupo tem atualmente 10 mil unidades, ou seja, 70 mil a menos que o necessário.

Segundo a prefeitura, só será possível convocar estas pessoas quando o volume for suficiente para atender completamente ao menos uma faixa etária. Como exemplo, a administração local cita os idosos de 67 anos, que representam cerca de 26 mil moradores. O reforço dedicado a eles deveria ter sido iniciado nesta segunda-feira (3).

"Tão logo a Secretaria Municipal de Saúde receba uma nova remessa com mais de 16 mil doses, dará início a vacinação deste grupo. A Prefeitura reafirma a disponibilidade de pessoal e de todos os insumos necessários para a imediata continuidade do processo", ressaltou a pasta.

Apesar do fabricante da CoronaVac indicar o prazo de 14 a 28 dias entre uma dose e outra, a prefeitura afirma que o atraso na aplicação não afeta a eficácia da vacina.

Quem pode vacinar

Mesmo com o entrave para a segunda dose dos idosos de 64 a 67 anos, a prefeitura segue aplicando o reforço para as pessoas que têm mais de 68 anos e a primeira dose de quem tem 60 anos. O atendimento acontece das 7h30 às 16h30 nos postos de vacinação e das 8h às 16h30 nos drive-thrus. A lista completa de locais está disponível neste link.

Entre esta quarta-feira (5) e quinta-feira (6), serão imunizados os trabalhadores com idades a partir de 18 anos que foram cadastrados no site da prefeitura até o último dia 28 de abril. Os pontos de vacinação podem ser consultados neste endereço virtual.

Para esta sexta-feira (7) e este sábado (8) está previsto o início da vacinação das pessoas com comorbidades. Nesta fase vai participar quem se cadastrou no site da prefeitura até esta segunda-feira (3). A lista de convocados ainda vai ser divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde nos próximos dias.

Este grupos vão ser atendidos já que irão receber vacinas de outros fabricantes, como AstraZeneca e Pfizer.

Últimas