Novo Coronavírus

Minas Gerais Vereador de BH participa de evento e provoca aglomeração com "racha"

Vereador de BH participa de evento e provoca aglomeração com "racha"

Bim da Ambulância (PSD) é da Comissão de Saúde e participou de festa em empresa com pessoas sem máscara e aglomeradas

  • Minas Gerais | Enzo Menezes, da RecordTV Minas

Vereador provocou aglomeração em evento

Vereador provocou aglomeração em evento

Reprodução/redes sociais

O vereador de Belo Horizonte Bim da Ambulância (PSD) provocou aglomeração em uma festa e ate um "racha" em Vespasiano, na Grande BH. O parlamentar, que faz parte da Comissão de Saúde na Câmara Municipal, compartilhou vídeos da festa em suas redes sociais. nas imagens, ele aparece descontraído e interagindo, sem máscara, com homens que realizavam manobras em carros. 

Em um dos vídeos, o vereador, que não usa cinto de segurança, participa de uma manobra arriscada. Ele está de passageiro no carro com o motorista que também está sem o equipamento de segurança obrigatório. A porta fica aberta com o veículo em movimento, o motorista segura com uma mão deixando apenas a outra sobre o volante. 

- Sabe quando cê vai pro circo, aí tem aquelas apresentação da moto assim dentro do globo da morte? É a mema coisa isso aqui é louco

Nas imagens também é possível ver grande movimento de pessoas, todas sem máscara, e sem respeitarem distanciamento social. 

O evento foi realizado no pátio de uma empresa que seria de revenda de veículos, em Vespasiano região metropolitana de Belo Horizonte. 

Outro lado

Por telefone, o vereador informou que o evento foi realizado com autorização e que não houve aglomeração na parte de dentro do local. Ainda de acordo com o vereador Bim da Ambulância, a apresentação foi feita por pilotos profissionais, para que pudessem treinar para uma competição nacional que vai ocorrer ainda neste ano. Por fim, ele disse, ainda, que é vereador na jurisdição dele e que, em outros lugares, é apenas um administrador de empresas.

Bim da Ambulância está em seu terceiro mandato na câmara de vereadores de Belo Horizonte e já se envolveu em uma outra polêmica. 

Caso do helicóptero

Em janeiro de 2017, ele pousou um helicóptero no meio de uma praia de Guarapari, no Espírito Santo. O parlamentar chegou a ser preso por colocar banhistas em risco e foi indiciado naquele mesmo ano pela Polícia Civil de Minas Gerais. 

Últimas