Novo Coronavírus

Minas Gerais Vereadores de BH fazem proposta para reabrir comércio na capital

Vereadores de BH fazem proposta para reabrir comércio na capital

Documento é fruto de reuniões que ocorrem desde a semana passada, prevê medidas para flexibilização do isolamento e será levado ao prefeito

Documento será levado ao prefeito

Documento será levado ao prefeito

Divulgação

Vereadores de Belo Horizonte se reuniram nesta quarta-feira (22) para discutir um plano de flexibilização do isolamento social na cidade e a reabertura do comércio na capital mineira.

Os parlamentares, que começaram a discutir o tema na semana passada, devem levar as sugestões ao prefeito Alexandre Kalil (PSD), que tem dito que ainda não há data para que os estabelecimentos possam voltar a funcionar. 

A proposta dos vereadores não envolve a sugestão de uma data para a liberação do comércio, mas traz algumas ideias, como funcionamento dos estabelecimentos em horários alternados, aferição de temperatura de funcionários na chegada ao trabalho e a manutenção da obrigatoriedade do uso de máscaras. 

O documento também prevê a possibilidade de jornadas de trabalho menores durante os primeiros meses e a limitação de pessoas em cada ambiente para evitar aglomeração de pessoas.

De acordo com o vereador Jair de Gregório (PP), que convocou a reunião, o objetivo é incorporar novas sugestões ao documento criado na última semana. 

— Deixamos para o Executivo para que eles vejam o melhor plano, as melhores sugestões, a definição de quais os estabelecimentos seriam abertos primeiro, dentre outros pontos

Posição

Em coletiva de imprensa concedida na semana passada, o prefeito Alexandre Kalil descartou que haja uma data para o retorno do funcionamento do comércio na capital mineira. Segundo o chefe do Executivo municipal, o processo de saída da quarentena será feito com base na ciência.  

Últimas