Novo Coronavírus

Minas Gerais Vítima da covid-19, ex-deputado Pinduca é enterrado em Betim (MG)

Vítima da covid-19, ex-deputado Pinduca é enterrado em Betim (MG)

Político tinha 68 anos e morreu após quase 20 dias internado na Grande BH; Pinduca também foi vereador e vice-prefeito de Betim

  • Minas Gerais | Pollyana Sales, da Record TV Minas

Pinduca tinha 68 anos e foi vítima da covid-19

Pinduca tinha 68 anos e foi vítima da covid-19

Divulgação / Pollyanna Maliniak / ALMG

O ex-deputado estadual Pinduca, morto por complicações da covid-19, foi enterrado na manhã desta segunda-feira (12) em um cemitério de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte.

O político foi internado no dia 24 de março em um hospital particular da cidade após sentir falta de ar. Quatro dias depois, foi transferido para um leito intensivo e precisou ser intubado. No último domingo (11), ele sofreu duas paradas cardiorrespiratórias e faleceu aos 68 anos.

Natural de Araçuaí, a 678 km de Belo Horizonte, Pedro Ivo Ferreira Caminhas começou sua carreira política no início da década de 1990, aproveitando as amizades e o contato que fez com o trabalho de comerciante para se eleger vereador em Betim por dois mandatos consecutivos.

Em 2001, assumiu seu primeiro mandato na ALMG (Assembleia Legislativa de Minas Gerais), após renúncia do deputado Ronaldo Canabrava, que havia sido eleito prefeito em Sete Lagoas. Pinduca foi reeleito por mais dois mandatos no Legislativo entre 2003 e 2011.

O político também atuou como vice-prefeito de Betim na administração de Carlaile Pedrosa. Em 2016, mesmo sem ter o número de votos suficientes, acabou assumindo mais um mandato na ALMG após a saída de Fábio Cherem, que se licenciou para assumir o cargo de secretário de Desenvolvimento Econômico.

Pinduca deixa esposa e cinco filhos.

Últimas