Novo Coronavírus

Minas Gerais Voo da China desembarca em BH com 2 milhões de testes para covid

Voo da China desembarca em BH com 2 milhões de testes para covid

Esse é o segundo voo direto entre o país asiático e o Aeroporto de Confins com equipamentos de combate à doença causada pelo novo coronavírus

Avião desembarcou nesta segunda-feira (1º) no Aeroporto de Confins

Avião desembarcou nesta segunda-feira (1º) no Aeroporto de Confins

Divulgação/BH Airport

Uma aeronave desembarcou na tarde desta segunda-feira (1º) no Aeroporto Internacional de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte, com cerca de 2 milhões de testes rápidos para diagnóstico da covid-19. 

O vôo partiu da província de Shandong, na China, e fez uma escala em Amsterdam, na Holanda, antes de chegar à capital mineira. O lote de equipamentos foi importado por duas empresas e veio em um Airbus A330-900neo, da Azul Cargo Express. A carga ocupou todo o espaço da aeronave,  desde o porão até os assentos e os compartimentos superiores. 

Esse é o segundo vôo entre o país asiático e a capital mineira com equipamentos de saúde para o combate à covid-19. No final de abril, uma aeronave carregada com 10 toneladas de equipamentos trouxe máscaras sanitárias. 

Logística

Naquela época, o Governo de Minas afirmou que cogitava importar respiradores da China e estudava rotas alternativas para que os equipamentos não passassem pelos Estados Unidos e corressem o risco de serem retidos pelas autoridades do país norte-americano. 

Últimas