Moderna testa possível vacina contra coronavírus em 1º paciente

A farmacêutica Moderna comunicou nesta segunda-feira, 16, que administrou, pela primeira vez, seus estudos de vacina contra o novo coronavírus em um paciente. A empresa de biotecnologia disse que o estudo "de fase 1" está sendo conduzido pelos Institutos Nacionais de Saúde sob seu próprio aplicativo de investigação sobre novos medicamentos.

Um total de 45 adultos saudáveis serão incluídos no estudo. Os participantes serão acompanhados por doze meses, após uma segunda vacinação. Fonte: Dow Jones Newswires.