Folha de Pernambuco Brasil registra mais 600 mortes e 6.935 casos da Covid-19

Brasil registra mais 600 mortes e 6.935 casos da Covid-19

Secretário do Ministério da Saúde frisou, porém, que números não se restringem apenas a casos das últimas 24 horas

Secretário do Ministério da Saúde frisou, porém, que números não se restringem apenas a casos das últimas 24 horas

Secretário do Ministério da Saúde frisou, porém, que números não se restringem apenas a casos das últimas 24 horas

Folha de Pernambuco

O boletim divulgado pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (5) aponta que o Brasil teve um acréscimo de 6.935 casos confirmados da Covid-19 nas últimas 24 horas, passando a somar 114.715 infectados pelo novo coronavírs desde o registro do primeiro paciente oficialmente diagnosticado no País, ainda no final de fevereiro.

Foram notificadas ainda mais 600 mortes, subindo para 7.921 o número total de vítimas fatais da Covid-19 em território nacional. O secretário nacional de Vigilância à Saúde, Wanderson de Oliveira, frisou que essas 600 mortes não aconteceram nas últimas 24 horas.

Trata-se também de confirmações laboratoriais de óbitos ocorridos nos últimos dias. Segundo ele, estão nesse grupo, por exemplo, 51 mortes registradas na segunda (4) e 48, no domingo (3). Dentro das 600 mortes declaradas, 25 aconteceram nas últimas 24 horas. 

O mesmo acontece em relação ao número de casos confirmados. Wanderson de Oliveira disse que os 6.935 novos registros englobam pacientes que fizeram testes até quatro semanas atrás. Há mais de 90 mil testes aguardando processamento e 1.579 óbitos em investigação, de acordo com o balanço da pasta. 

A partir desta terça, os boletins do Ministério da Saúde passam a informar também a estimativa de pacientes recuperados da Covid-19. O secretário explicou que trata-se de um cálculo complexo que faz análises entre os grupos com registros de casos leves e os internados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). O balanço divulgado na noite desta terça aponta 48.221 pessoas curadas após infecção pelo novo coronavírus. 

Wanderson de Oliveira adiantou também que deve ser publicado ainda nesta semana um boletim especial com o perfil dos óbitos por Covid-19 no País até o momento. Ele adiantou que deve haver novidades também acerca de testes para detecção do novo coronavírus. 

Leia também:
Pesquisa da Fiocruz indica avanço da covid-19 em cidades do interior
Registros de Covid-19 se estabilizam na Espanha
Primeiros afetados pela Covid-19 no Brasil tinham, em média, 39 anos 

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte

Últimas