Copa do Nordeste oficializa suspensão do torneio

Paralisação da competição acontece por conta da pandemia do novo coronavírus

Paralisação da competição acontece por conta da pandemia do novo coronavírus

Paralisação da competição acontece por conta da pandemia do novo coronavírus

Folha de Pernambuco

Por meio de uma rede social, o perfil oficial da Copa do Nordeste confirmou a suspensão da competição regional por conta da pandemia do novo coronavírus. A medida foi tomada na última segunda (16), após decisão envolvendo a Liga do Nordeste, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e os clubes que participam do torneio. A paralisação é por tempo indeterminado.

Em relação aos estaduais, várias federações já haviam optado pela suspensão dos torneios locais, como as de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Alagoas. Na Bahia, Ceará, Goiás, Paraná, Distrito Federal e Rio Grande do Norte, os jogos serão realizados de portões fechados.

O presidente do Náutico, Edno Melo, aprovou a paralisação do futebol no Estado, apesar do impacto que ela pode trazer aos clubes. "A decisão de parar foi correta. Estamos em um momento em que o mundo todo está assustado com essa pandemia. A Itália duvidou disso e agora está pagando caro, infelizmente. É melhor parar e pagar pelo zelo, do que continuarmos a competição e sofrermos com tudo isso. Não havia outra decisão a ser tomada. Prevaleceu o bom senso, apesar do provável impacto financeiro. Principalmente para os clubes menores, que têm uma folha mais limitada e contratos mais curtos com os atletas", ressaltou o mandatário alvirrubro.

Leia também:
FPF suspende Estadual por tempo indeterminado
Com suspensão encaminhada, CBF bate martelo sobre Nordestão nesta terça
Vice-presidente da Liga do Nordeste, Constantino prega cautela sobre suspensão de jogos
Dirigente alvirrubro defende suspensão de jogos por conta do coronavírus


O Sport suspendeu o funcionamento do parque aquático, escolinhas e esportes olímpicos e amadores, inicialmente, até o dia 31 deste mês. O clube ainda comunicou que vai distribuir álcool em gel, máscaras, papel toalha e sabão para os funcionários. Além disso, vai liberar os empregados com idade igual ou acima de 60 anos para trabalharem de casa. O atendimento aos sócios continuará acontecendo na sede, entretanto em três dias da semana: segundas, quartas e sextas. Com a suspensão da Copa do Nordeste, que deve ocorrer nesta terça-feira, o futebol profissional também deve paralisar as atividades.

"A gente é a favor, sim, da paralisação. Acho que não tem como ter competição quando todas as outras do país estão parando. Não podemos ser esse ponto fora da curva em relação a isso", falou o executivo de futebol rubro-negro Lucas Drubscky. Antes mesmo do posicionamento da FPF sobre o Estadual, o presidente do Santa Cruz, Constantino Júnior também mostrava a importância em ouvir os profissionais das áreas envolvidas. “É preciso escutar profissionais de saúde e os atletas. O bom senso é minimizar os riscos. A questão humanitária e de saúde vem em primeiro lugar", afirmou.

No último domingo, a CBF comunicou a paralisação de todas as competições organizadas pela entidade (Copa do Brasil, Brasileiros Femininos A1 e A2, Brasileiro sub-17 e Copa do Brasil sub-20).


Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte