Depois de ceder empate, Santa briga por regularidade na Copa PE

O Tricolor enfrenta o Atlético Pernambucano, neste domingo (03), no CT Ninho das Cobras pela quarta e última rodada do Grupo A

O Tricolor enfrenta o Atlético Pernambucano, neste domingo (03), no CT Ninho das Cobras pela quarta e última rodada do Grupo A

O Tricolor enfrenta o Atlético Pernambucano, neste domingo (03), no CT Ninho das Cobras pela quarta e última rodada do Grupo A

Folha de Pernambuco

Com o acúmulo de dois empates e uma vitória, o Santa Cruz encara mais um desafio pela 4º rodada da Copa Pernambuco. Neste domingo (03), às 15h, o Tricolor enfrenta o Atlético Pernambucano, no CT Ninho das Cobras, com o desejo de alcançar a regularidade que ainda em falta no elenco sub-23. Invicto até o momento, esse jogo marca o encerramento da participação coral na primeira fase, já na zona de classificação para disputar a semifinal da competição. Os dois primeiros times de cada grupo avançam no torneio.

Na segunda posição do Grupo A, com cinco pontos, o time comandado por Paulo Massaro, treinador que também está à frente do elenco sub-20 e disputa a Copa do Nordeste, vai em busca do quinto título do torneio, sendo o maior vencedor da competição com quatro conquistas (2008, 2009, 2010 e 2012). Depois de ceder o empate em 1x1 para o Pesqueira na última rodada, a Cobra Coral confia na desenvoltura dos pratas da casa para se garantir de vez na competição. O Pesqueira, por outro lado, é o líder da chave, com oito pontos e já disputou os quatro jogos desta fase.

Na ocasião do largo triunfo por 6x0 sobre a Cabense, no Gileno de Carli, pela segunda rodada, o meio-campista Gaúcho foi o destaque da partida, depois de sair do banco de reservas e anotar um ‘hat-trick’ para o time Tricolor. Já contra o Pesqueira, Vinícius Diniz foi o responsável por balançar as redes. O atleta voltou ao time depois de cumprir suspensão contra o time do Cabo.

Leia também:
Santa de olho em parcerias para reforçar o elenco
Copas podem desafogar contas do Santa Cruz