Fórmula 1 anuncia o cancelamento do GP da Austrália

Pandemia do coronavírus foi a motivação para o cancelamento do evento

Pandemia do coronavírus foi a motivação para o cancelamento do evento

Pandemia do coronavírus foi a motivação para o cancelamento do evento

Folha de Pernambuco

O Grande Prêmio da Austrália, etapa que abriria o Mundial 2020 da Fórmula 1, foi cancelado. A informação foi divulgada nesta quinta (12) pela própria categoria nas redes sociais.

"A Fórmula 1 e a FIA, com o apoio total da Australian Grand Prix Corporation (AGPC), decidiram que todas as atividades da Fórmula 1 para o Grande Prêmio da Austrália estão canceladas", comunicou a categoria.

A prova deste final de semana vinha sofrendo diversas pressões para não ocorrer devido à pandemia internacional do novo coronavírus. A McLaren já havia anunciado que não participaria da etapa justamente após exames apontarem o contágio de um integrante da escuderia.

O Grande Prêmio do Bahrein, segunda etapa da temporada, acontecerá sem a presença de público pelo mesmo motivo. A corrida está marcada para o dia 22 de março.

Leia também:

GP da China de Formula 1 é adiado devido ao coronavírus
Fórmula 1 inicia ano com futuro incerto e sem acordo com equipes para 2021
Renault quer ser quarta maior escuderia da F1 em 2020

Confira a nota oficial divulgada pela Fórmula 1:

"Após a confirmação de que um membro da McLaren Racing Team deu positivo para a covid-19 e a decisão da equipe de se retirar do Grande Prêmio da Austrália, a Fórmula 1 e a FIA convocaram uma reunião com outros nove diretores de equipe na quinta-feira à noite. Essas discussões concluíram, com uma visão majoritária das equipes, de que a corrida não deve prosseguir."

"A Fórmula 1 e a FIA, com o apoio total da Australian Grand Prix Corporation (AGPC), portanto, decidiram que todas as atividades de Fórmula 1 para o Grande Prêmio da Austrália foram canceladas."

"Reconhecemos que esta é uma notícia muito decepcionante para os milhares de fãs que participariam da corrida. Todos os portadores de ingressos receberão um reembolso total. Um novo anúncio será feito."

"Todas as partes levaram em consideração os grandes esforços de AGPC, Motorsport Australia, funcionários e voluntários para organizar a rodada de abertura do Campeonato Mundial de Fórmula 1 2020 em Melbourne; no entanto, concluíram que a segurança de todos os membros da família de Fórmula 1 e de toda a comunidade, bem como a imparcialidade da competição, é prioridade."