Homem tenta matar cachorro e morre no Fórum de Camaragibe

Além de invadir a instituição para matar o cão, o homem ameaçou pessoas com um facão

Além de invadir a instituição para matar o cão, o homem ameaçou pessoas com um facão

Além de invadir a instituição para matar o cão, o homem ameaçou pessoas com um facão

Folha de Pernambuco

O Fórum da cidade de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, foi cenário de uma confusão com desfecho trágico: um homem foi morto após invadir o local. Na tarde desta terça-feira (22), um motorista de caminhão estacionou na entrada do local, retirou um cachorro da cabine do veículo e amarrou o animal sob o caminhão, aparentando querer atropelar o animal. Na confusão para impedir o atropelamento e desobstruir a entrada do fórum, o homem foi baleado. Mesmo socorrido, o invasor, contudo, não resistiu e faleceu.

Por volta de 12h30, o porteiro do Fórum de Camaragibe notou a aproximação do veículo não esperado. O motorista estacionou o caminhão na entrada da instituição, impedindo a passagem de outros veículos e até pedestres. Ao se aproximar para repreender o homem desconhecido, o porteiro foi ameaçado com uma foice, retirada às pressas do caminhão. Por isso, o policial militar, que faz a guarda do local, foi chamado para conter a situação. O homem, então, ameaçou também o PM, que reagiu atirando para imobilizar o invasor. 

Leia também:

Mulher é presa em Camaragibe com R$ 1.420 em notas falsas
Homens morrem em colisão de moto em poste em Camaragibe
Inauguração da primeira estação de BRT em Camaragibe é adiada

O homem desconhecido foi socorrido para o Hospital Hospital Municipal Dr. Aristeu Chaves, que fica nas proximidades do fórum. Contudo, ele não resistiu e foi a óbito. O nome do homem que protagonizou a tragédia não foi divulgado, e a conclusão do caso está a cargo do Tribunal de Justiça de Pernambuco. 

Eliane Cristina da Silva, 58, trabalha no fórum e estava voltando do horário de almoço quando se assustou com o barulho de tiros. "Eu estava voltando, daí, quando perguntei  sobre o caminhão na frente do fórum, o povo me falou que tinha um doido lá dentro e que eu não entrasse. Depois disso, ouvi os tiros", contou abismada. Eliane também contou sobre a índole do policial que trabalha no turno diurno no fórum. "O rapaz que trabalha com a gente é muito calmo, tranquilo. Todos viram ele tentar acalmar o homem de várias formas, sem atirar, mas não conseguiu", concluiu.