Incêndio atinge vegetação próxima à Estação Ipiranga, no bairro de Afogados

Segundo os moradores, o incêndio se iniciou por volta das 18h. Funcionamento da estação segue normalmente

Segundo os moradores, o incêndio se iniciou por volta das 18h. Funcionamento da estação segue normalmente

Segundo os moradores, o incêndio se iniciou por volta das 18h. Funcionamento da estação segue normalmente

Folha de Pernambuco

Um incêndio aconteceu próximo aos trilhos do metrô da Estação Ipiranga, no bairro de Afogados, Zona Oeste do Recife, na noite desta quarta-feira (15). Segundo os moradores, o incêndio se iniciou por volta das 18h, em área por trás do Maternidade Professor Bandeira Filho.

Os bombeiros chegaram por volta das 20h. As chamas foram controladas em cerca de 10 minutos. Ainda não se sabe a origem do fogo, segundo informação do Corpo de Bombeiros . 

Leia também:
Convênio reforça segurança nas estações e trens do Metrô do Recife
Linha Centro do Metrô do Recife volta a funcionar depois de 8 horas
Após incêndio, base de pesquisa na Antártica será reinaugurada nesta quarta-feira

A moradora Adriana Guimarães, 41, assistiu ao início das chamas. “Começou no finalzinho da tarde. A gente viu o fogo se alastrando. Cheguei a pensar que ia atingir o poste e, se pegasse, iria todo mundo ficar sem energia.”

O morador de 19 anos, Wendel Douglas, teve medo do incêndio atingir proporções maiores.“Tudo começou com uma labareda pequena e do nada foi ficando alto demais. Aí a gente chamou os bombeiros porque ficamos com medo do fogo atingir uma casa que é muito antiga. Fora que tem um armazém aqui que só tem madeira. Aí a gente se preocupou”.

O primeiro sargento Jadilson, responsável pela operação, informou que os bombeiro tiveram que manter segurança do local. “A gente recebeu o chamado dos funcionários do hospital. Nós vimos achando que era um incêndio em um mato comum, mas é uma coisa atípica, por ficar próximo ao metrô. Essas linhas são energizadas, para apagar, tivemos que ter muita cautela.”

A assessoria da CBTU afirmou que o incêndio não ocasionou a paralisação do sistema.