Folha de Pernambuco Iniciada nesta segunda, nova fase da campanha contra a gripe deve vacinar mais 180 mil no Recife

Iniciada nesta segunda, nova fase da campanha contra a gripe deve vacinar mais 180 mil no Recife

Na capital pernambucana, mais de 130 postos estão realizando a aplicação da vacina

Na capital pernambucana, mais de 130 postos estão realizando a aplicação da vacina

Na capital pernambucana, mais de 130 postos estão realizando a aplicação da vacina

Folha de Pernambuco

A terceira fase da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe teve início nesta segunda-feira (11), no Recife. A previsão é de que mais de 180 mil pessoas sejam vacinadas nesta fase na capital pernambucana, onde mais de 130 postos estão realizando a aplicação da dosedas 8h às 17h.

Esta nova fase está dividida em duas etapas. Nesta primeira etapa, que vai até sexta-feira (18), contempla pessoas com deficiência, crianças de 6 meses até 4 anos, mulheres grávidas e puérperas (até 45 dias pós-parto). A partir da próxima segunda-feira (18), começa uma nova etapa, que vai atender pessoas de 55 a 59 anos e professores das redes pública e privada de ensino.

Leia também:
Dez milhões ainda não se vacinaram contra gripe na segunda fase
PCR abre inscrições para cursos gratuitos de qualificação à distância na área esportiva
Sarampo avança no Brasil, e medo de coronavírus dificulta vacinação

Nesta quarta-feira (13), a Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) disponibilizará um ponto de vacinação em esquema de drive thru exclusivamente para as pessoas com deficiência, no Shopping RioMar, no Pina, na Zona Sul do Recife. A ideia é que as pessoas possam se vacinar sem sair do veículo. Além desse ponto, as pessoas com deficiência também podem ser atendidas em qualquer uma das mais de 130 salas de vacinação da Prefeitura do Recife. Já os acamados receberão a dose em casa. 

A fim de garantir a segurança da população, a Prefeitura do Recife transferiu os pacientes com sintomas gripais dos postos que realizam as vacinações. No Recife, mais de 320 mil pessoas já receberam a vacina contra a gripe desde o início da campanha. Mesmo que a campanha tenha sido dividida em diversas fases, todos os grupos prioritários podem procurar uma unidade de saúde para se vacinar em qualquer dia até o dia 5 de junho, quando encerra a campanha.

RMR
A cidade de Olinda, na Região Metropolitana do Recife (RMR), disponibilizou todas as 50 unidades da rede de saúde para a vacinação, que ocorre das 8h às 17h. Apesar de destinada a crianças de seis meses a cinco anos de idade, pessoas com deficiência, gestantes e mães que tiveram filhos há até 45 dias, integrantes do público-alvo de fase anterior que ainda não tenha sido vacinado podem se encaminhar às unidades de saúde para receber a imunização, portando documento de identificação e cartão de vacinação.

No dia 18 de maio, começa a segunda etapa desta última fase, destinada a adultos de 55 a 59 anos e professores. Na primeira fase, a Secretaria de Saúde de Olinda ultrapassou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde, que é de 90%, tendo imunizado 8.807 trabalhadores da saúde (120,53%) e 48.116 idosos (107,67%). Os números da segunda fase, que foi encerrada no dia 8 de maio, ainda serão fechados.

Em Jaboatão dos Guararapes, também na RMR, a terceira fase da campanha será realizada até o próximo domingo (17). Até agora, cerca de 105 mil pessoas foram vacinadas, o que corresponde a 48,9% do público-alvo. A vacinação ocorre em todas as 100 unidades de saúde do município, além do Hospital da Aeronáutica. Para se vacinar, o usuário precisa apresentar documento de identificação com foto e comprovante de residência. Puérperas precisam apresentar Certidão de Nascimento do recém-nascido e deficientes precisam apresentar laudo ou prescrição médica caso a deficiência não seja visível.

Já no município do Paulista, também na RMR, a imunização será dividida em quatro fases: desta segunda à próxima sexta-feira (15), o público-alvo são as crianças de seis meses e menores de seis anos, gestantes e puérperas; entre os dias 18, 19 e 20 de maio, as pessoas com deficiência; de 21 a 25 de maio, será a vez dos professores da rede pública e privada e, de 26 a 29 de maio, os adultos de 55 a 59 anos de idade. A vacinação acontecerá nos postos de saúde indicados pela coordenação municipal do Programa Nacional de Imunização, no horário das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Últimas