Mourinho estreia no Tottenham com vitória no Inglês

Após a demissão de Pochettino, português comandou os Spurs ao triunfo por 3x2, diante do West Ham

Após a demissão de Pochettino, português comandou os Spurs ao triunfo por 3x2, diante do West Ham

Após a demissão de Pochettino, português comandou os Spurs ao triunfo por 3x2, diante do West Ham

Folha de Pernambuco

O técnico José Mourinho estreou bem no comando do Tottenham, com vitória de 3x2 no clássico londrino com o West Ham, neste sábado (23) pela 13ª rodada do Campeonato Inglês. O sulcoreano Son Heung-min (36), o brasileiro Lucas Moura (43) e Harry Kane (49) marcaram para os Spurs, cujo novo treinador português assumiu esta semana no lugar do argentino Mauricio Pochettino, que foi demitido. Michail Antonio (73) e o italiano Angelo Ogbonna (90+6) diminuiram para o time local no segundo tempo.

Desde sua chegada ao comando do Porto em 2002, Mourinho nunca perdeu sua primeira partida com um clube, com três vitórias e três empates.Esses três pontos fazem com que o Tottenham suba provisoriamente do 14º ao 9º lugar, e servem para que Mou possa responder aos céticos que duvidavam de sua capacidade de liderar uma equipe habituada a um tipo de futebol bem diferente do seu. Os Spurs buscavam um triunfo fora de casa desde o último dia 12 de janeiro, com nove derrotas e três empates desde então.

"Eu estava muito feliz antes de sofrermos os dois gols, estávamos jogando bem, fazendo em campo as coisas que tentamos nos treinos", disse Mourinho em entrevista à BT Sport. "E tivemos uma bola para fazer 4x0 e matar a partida", acrescentou. Temos sorte de que eu esteja há tantos anos na Premier League. Eu disse aos jogadores no intervalo'até se estivermos ganhando de 3x0 aos 85 minutos a partida seguirá aberta'", contou o ex-técnico do Manchester United.

Leia também:
Tottenham anuncia José Mourinho como novo técnico
Leipzig e Bayern se aproximam da liderança da Bundesliga


A primeira medida de 'Mou' foi colocar no banco de reservas o meia francês Moussa Sissoko, jogador mais utilizado por Pochettino com 1.057 minutos jogados de 1.080 possíveis. Outra mudança notável foi a titularidade do brasileiro Lucas Moura, que costumava entrar no segundo tempo. A equipe de Mourinho terá que confirmar sua evolução na terça-feira (27), no duelo da Liga dos Campeões contra o Olympiacos.