NBB discute retorno pós-pandemia com ligas de Argentina e Espanha

Antes da reunião, o NBB já havia anunciado algumas medidas que serão tomadas com os jogos forem reiniciados

Antes da reunião, o NBB já havia anunciado algumas medidas que serão tomadas com os jogos forem reiniciados

Antes da reunião, o NBB já havia anunciado algumas medidas que serão tomadas com os jogos forem reiniciados

Folha de Pernambuco

A crise causada pelo novo Coronavírus (Covid-19) fez com que o NBB, a principal liga de basquete do Brasil, se reunisse com as ligas argentina e espanhola para pensar em maneiras de retornar às atividades em cada país. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (27) pela manhã, via videoconferência.

"Estamos vivendo momentos muito parecidos, cada um com a realidade no seu país, mas todos unidos querendo voltar a fazer basquete nas quadras. Poder trocar experiências com entidades que são referências no esporte mundial, atualmente, os dois países finalistas da Copa do Mundo masculina, agrega muito valor para que possamos seguir evoluindo no nosso processo de retomada da temporada", disse Nilo Guimarães, presidente da LNB, liga de clubes responsável pela organização do NBB.

Antes da reunião, o NBB já havia anunciado algumas medidas que serão tomadas com os jogos forem reiniciados. Uma delas é a continuidade da temporada diretamente na fase de mata-mata. Além disso, está prevista a testagem de todos os profissionais envolvidos com a competição.

As três entidades pretendem realizar novas reuniões para debaterem o tema. Ainda não há previsão para o reinício das atividades, mas o NBB estima que todo o processo até o torneio voltar deverá durar cerca de 40 dias.

"Foi muito interessante essa cooperação com as ligas do Brasil e Argentina, com intuito de compartilhar as ideias que nós estamos enfrentando ante essa crise sanitária global e debater possíveis atuações. Ainda que vivemos situações distintas, conseguimos comprovar problemas similares e é gratificante ver que todos estão dispostos a contribuir e compartilhar conhecimentos", afirmou Joan Manel Carreras, diretor de negócios internacionais da liga espanhola.

Leia também:
Pinheiros demite time de basquete por carta e desiste do NBB


"É um orgulho para a Liga Nacional fazer parte de uma mesa de trabalho junto ao NBB e ACB. Seguimos com a dinâmica proposta desde o princípio da pandemia Covid-19, de estar em contato permanente com diversas organizações. Estamos trabalhando todos os dias com os departamentos médico e de competições da AdC, e poder compartilhar nossa gestão com os irmãos do Brasil e da Espanha nos deixa numa posição importante e estamos muito satisfeitos", disse o presidente da liga argentina, Gerardo Montenegro.

No próximo dia 4 de maio, os clubes do NBB deverão se reunir em uma assembleia geral para chegarem a um consenso sobre a sequência da temporada.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte