Folha de Pernambuco Pesquisa do Porto Digital aponta otimismo no setor de TI

Pesquisa do Porto Digital aponta otimismo no setor de TI

Pesquisa com 68 empresas do parque tecnológico revela que 48% devem ter faturamento melhor este ano, apesar da pandemia

Pesquisa com 68 empresas do parque tecnológico revela que 48% devem ter faturamento melhor este ano, apesar da pandemia

Pesquisa com 68 empresas do parque tecnológico revela que 48% devem ter faturamento melhor este ano, apesar da pandemia

Folha de Pernambuco

Uma pesquisa realizada pelo Núcleo de Gestão do Porto Digital observou que, mesmo em meio a pandemia do novo coronavírus, 48% das empresas deverão ter um faturamento melhor que o ano de 2019. O otimismo se mostra ainda maior nas grandes empresas incubadas no parque tecnológico, onde 67% delas afirmaram quem 2020 será um ano melhor de faturamento.

A pesquisa foi realizada com 68 empresas do Porto, entre os dias 30 de abril e 8 de maio. O levantamento observou ainda que, mesmo com 93% das empresas migrando para o modelo home office, 46% delas ainda estão contratando. Das contratações feitas, 12% são por conta de demandas de projetos relacionados à pandemia do novo coronavírus; 29% mantiveram o volume de contratações em relação ao período antes da crise e 5% conseguiram um pico de contratações.

Apesar disso, as empresas também encontram obstáculos durante a pandemia. 93% delas afirmam ter dificuldade em fechar novos negócios, sendo esse o principal impacto. Além disso, o cancelamento de contratos é algo que afeta majoritariamente as pequenas empresas, que têm um faturamento de até R$ 5 milhões; Esse problema atinge 25% das grandes empresas, aquelas que faturam acima de R$ 40 milhões.

Outro obstáculo enfrentado diz respeito à saúde mental dos funcionários. Cerca de 40% das empresas passam por essa dificuldade, enquanto outras 31% afirmam não ter esse problema na pandemia. Apenas 16% declararam não ter queda de produtividade.

Leia também:
Empresa de tecnologia oferece treinamento gratuito para quem faz trabalho home office
Google e Apple lançam tecnologia que notifica contato com contaminado por coronavírus


Segundo o presidente do Porto Digital, Pierre Lucena, o levantamento aponta para um otimismo do setor, que conseguiu se adaptar em alguns pontos. “Já esperávamos que a dificuldade de fechar negócios seria um problema, você precisa de um contato pessoal, de trabalhar juntos. O otimismo é importante, e a maioria espera ficar como está ou melhorar o faturamento, porque a procura pelo segmento tecnológico aumentou e deve aumentar ainda mais depois que a pandemia passar”, disse.

Para o período pós-pandemia, 91% das empresas de base tecnológica acreditam que mais oportunidades vão surgir para o setor de tecnologia da informação. Pierre aponta ainda que a tecnologia serve como uma aliada nesse período para outros segmentos. “É um setor que apresenta uma alta para auxiliar outros setores da economia. As empresas recorrem para melhorar a atuação e descobrir novas formas de se reinventar em um momento que depende muito da modernização do negócio”, afirmou o presidente do parque tecnológico.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte

Últimas