Polícia fecha fábrica de armas clandestinas no Sertão

As armas eram fabricadas de forma artesanal na residência do suspeito

As armas eram fabricadas de forma artesanal na residência do suspeito

As armas eram fabricadas de forma artesanal na residência do suspeito

Folha de Pernambuco

A Polícia Militar de Pernambuco prendeu, na manhã deste sábado (1º), um homem suspeito de fabricar, consertar e comercializar armas de fogo na zona rural de Carnaíba, no Sertão do Pajeú do Estado.

Após receber diversas denúncias ao longo da semana, equipes do 23º Batalhão da Polícia Militar foram até a residência do suspeito, localizada no Sítio Brejinho, Zona Rural de Carnaíba. 

Leia também:
Presos acusados de matar grávida de cinco meses e enterrar o corpo no mangue
Suspeitos de homicídios, tráfico e porte ilegal de armas são alvo de operação na Zona da Mata Norte

No local foram encontradas vinte e duas armas de fogo do tipo espingarda sem numeração e fabricadas de forma artesanal. Foram apreendidos também dois recipientes contendo pólvora e chumbo e uma cartela de espoleta, cinquenta e dois canos, três gatilhos e seis armações. Todo o material era utilizado para confeccionar as armas, segundo a polícia.

O suspeito e o todo o material foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Carnaíba para que possam ser tomadas todas as medidas legais cabíveis.