Porto de Galinhas e outras praias do litoral do Ipojuca fecham a partir deste domingo

Decreto vale para as praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Maracaípe, Serrambi, entre outras do litoral do município de Ipojuca

Decreto vale para as praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Maracaípe, Serrambi, entre outras do litoral do município de Ipojuca

Decreto vale para as praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Maracaípe, Serrambi, entre outras do litoral do município de Ipojuca

Folha de Pernambuco


As praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Maracaípe, Serrambi, entre outras do litoral do Ipojuca permanecem fechadas a partir deste domingo (22). O decreto, assinado pela prefeita Célia Sales diz que há interdição de todas as praias do litoral, rios e mangues do município, estando proibidas, inclusive, as práticas esportivas e recreativas. A medida é para coibir aglomerações em tempos do novo coronavírus.

No primeiro dia de proibição do comércio de praia, já decretado pelo Governo do Estado e do município, muitos turistas não respeitaram as determinações, alegando que a praia estava aberta para a prática de esporte individual. Cerca de 500 pessoas, 90% delas turistas de outros estados, foram retiradas do mar por agentes de controle urbano, salva-vidas e guardas municipais, no último sábado (21). Segundo a Secretaria de Saúde de Ipojuca, ainda não há nenhum registro do coronavírus na cidade.

Já de acordo com a Secretaria de Defesa Social de Ipojuca, aqueles que não colaborarem e resistirem em cumprir ao decreto municipal poderão ser encaminhados à delegacia por crime de desobediência.

Outras restrições

O Comitê Contra o Coronavírus do Ipojuca, que é composto por 11 secretarias municipais, além da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes do Ipojuca (AMTTRANS) e a Procuradoria, suspende a partir deste domingo, o transporte coletivo municipal de passageiros em todo o território ipojucano. É exceção à esta regra o transporte mediante fretamento de funcionários e colaboradores relacionados aos estabelecimentos de serviços essenciais, financeiros, de limpeza, vigilância, clínicas e hospitais veterinários, hotéis e pousadas, entre outros.

O acesso de ônibus de turismo também está proibido. Já houve bloqueios na PE-38, no distrito de Nossa Senhora do Ó e na PE-51, via de acesso à praia de Porto de Galinhas. O transporte complementar de passageiros, será autorizado em caráter excepcional pela AMTTRANS.


Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

+ Coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo  + Coronavírus na Política + Coronavírus na Economia + Coronavírus em Diversão&Arte + Coronavírus no Esporte