Prefeitura de Camaragibe retoma projeto de reforma e ampliação do mercado público

As obras prevê três serviços: o acabamento dos boxes do andar superior, construção de uma escada e reforma do sistema de esgoto

As obras prevê três serviços: o acabamento dos boxes do andar superior, construção de uma escada e reforma do sistema de esgoto

As obras prevê três serviços: o acabamento dos boxes do andar superior, construção de uma escada e reforma do sistema de esgoto

Folha de Pernambuco

Após um período de três anos paralisado, o projeto de reforma e ampliação do mercado público de Camaragibve foi retomado pela prefeitura da cidade. A prefeita da atual gestão, Doutora Nadegi, autorizou, nesta segunda-feira (16), o início das intervenções em cerimônia realizada no espaço.

Há três serviços a serem realizados: o acabamento dos boxes do andar superior, com a alvenaria e toda a parte elétrica; a construção de uma escada para o acesso ao piso superior, que, hoje, é realizado por uma rampa irregular de madeira; e a reforma do sistema de esgotamento sanitário, que, por não existir no local, faz os dejetos irem diretamente para a rua sem tratamento.

O valor total desta etapa da obra será de R$ 282 mil, sendo R$ 177 mil de recursos próprios e R$ 105 mil advindos do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM). A conclusão dessa fase vai destravar mais dinheiro da versão 2015 do programa na ordem de R$ 4,7 milhões; recursos que serão aplicados em outras intervenções da reforma e ampliação do mercado.

Leia também:
Doutora Nadegi comemora anúncio de mais uma escola em tempo integral
Doutora Nadegi inaugura Centro de Assistência Social em Alberto Maia

Durante o ato, a prefeita elencou os desafios da gestão. “Destravar essa reforma foi um deles. Estamos retomando essa obra. Com muito trabalho vamos concluí-la, tirando do papel esse sonho dos camaragibenses. Essa é uma pequena ação que ainda não resolve o problema do mercado, mas que mostra que nós recomeçamos. Um primeiro passo importantíssimo. Temos uma equipe extremamente comprometida e parcerias fortes com o Governo do Estado e a Câmara Municipal, que nos ajudam diariamente a reerguer essa cidade”, afirmou a Doutora Nadegi.

“Com essa retomada da obra, será possível destravar a verba presa e iniciar todo o projeto de requalificação da outra parte do mercado que ainda está totalmente bagunçada. Quando chegamos, não existia projeto. Encontramos um recurso disponível e parado que ninguém nunca usou para colocar o mercado para funcionar. E desde o primeiro momento este sempre foi, é e será o objetivo: finalizar esse equipamento e deixá-lo em plena atividade.”, explicou a secretária de Infraestrutura e Serviços Públicos, Eryka Luna.