Folha de Pernambuco Setor defensivo vira escudo do Santa no início de 2020

Setor defensivo vira escudo do Santa no início de 2020

Defesa tem sido alvo de elogios de Itamar Schulle, que conta com participação decisiva de trio

Defesa tem sido alvo de elogios de Itamar Schulle, que conta com  participação decisiva de trio

Defesa tem sido alvo de elogios de Itamar Schulle, que conta com participação decisiva de trio

Folha de Pernambuco

Ao contrário do que muitos pensam, o bom futebol de um time pode ser protagonizado também pelas linhas de trás. Assim tem sido no Santa Cruz. É inspirado nisso que o time tem segurado o bom início de temporada. O bom desempenho da defesa, apesar do desgaste físico proporcionado pela dura sequência de jogos, tem sido bastante elogiado pelo comandante coral, que jogo a jogo faz questão de destacar a consistência do grupo atrás, com embasamento. Acontece que a zaga do Tricolor é a menos vazada do Campeonato Pernambucano, com apenas dois gols tomados em cinco jogos.

Liderado pelo jovem goleiro Maycon Cleiton e pelos zagueiros William Alves e Danny Morais - já experientes e bem entrosados -, o Tricolor abre caminho para uma campanha de sucesso em 2020. Os dois primeiros foram os únicos do grupo que atuaram em todos os jogos na temporada. A boa sequência de atuações hoje rende o status de defesa menos vazada do torneio local, com apenas dois gols sofridos em cinco partidas - contra Retrô (2x1) e Salgueiro (2x1).O capitão da equipe, por outro lado, foi obrigado a ceder vaga a Danilson por ter sido expulso na partida contra o Carcará e ficou de fora do confronto diante do Central, no último domingo.

Leia também:
Santa Cruz começa a colher frutos de experimentações
Santa fica no 0x0 com o Central

Danny Morais e William Alves jogaram juntos também no ano passado, formando parceria na Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série C. Em 2020, a dupla está sendo responsável por travar grande parte das investidas dos adversários contra a meta do arqueiro, até então um dos destaques da equipe, sendo a “aposta” mais eficiente de Schulle - inclusive, com atuações que hoje fazem do setor um dos amuletos do time. O setor será posto à prova mais uma vez nesta quarta-feira, contra o Afogados, pelo Estadual.

Últimas