Folha de Pernambuco Ventos fortes fecham Aeroporto do Recife e três voos são desviados para Maceió

Ventos fortes fecham Aeroporto do Recife e três voos são desviados para Maceió

Pousos e decolagens não foram permitidos durante a madrugada

Pousos e decolagens não foram permitidos durante a madrugada

Pousos e decolagens não foram permitidos durante a madrugada

Folha de Pernambuco

Os ventos fortes que atingiram o Recife e a Região Metropolitana na noite dessa quarta-feira (19) e madrugada de quinta-feira (20) afetaram a operação do Aeroporto do Recife. Segundo informações da Infraero, entre 1h30 e 2h30 o terminal "operou abaixo dos mínimos" e ficou fechado para pousos e decolagens.

No período, um voo da Azul - com origem do Rio de Janeiro - e dois da Gol - oriundos de Congonhas, em São Paulo, e também do Rio - que deveriam pousar na capital pernambucana, tiveram suas rotas alternadas e foram encaminhados ao Aeroporto Zumbi dos Palmares, em Maceió, Alagoas. O Aeroporto do Recife voltou a funcionar normalmente após o ocorrido e segue com pousos e decolagens operando.

Leia também:
Evento raro, diz Apac sobre ventos de mais de 50 km/h na RMR
Ventos e chuvas fortes derrubam parte da decoração de Carnaval de Olinda


"Evento raro"
Recife e Região Metropolitana registraram ventos fortes de mais de 50 km/h entre a noite de quarta-feira (19) e a madrugada desta quinta-feira (20). Os dados são da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

"Pelos danos causados podemos dizer que o vento superou os 50 km/h. As estações da Apac medem os ventos de forma diferente da temperatura e os mais fortes nem sempre são capturados, mas existem estudos que mostram que quando caem árvores e telhados, por exemplo, atingiram essa velocidade. Foi um evento raro", explicou ao Portal FolhaPE o meteorologista da Apac Thiago do Vale. Segundo ele não é normal para esta época do ano essa incidência de ventos.

Últimas