Política Líder do governo se reúne com deputados por manutenção de veto

Líder do governo se reúne com deputados por manutenção de veto

Estratégia é argumentar que derrubar o veto à reajuste de servidores representaria uma falta de responsabilidade em um cenário de pós-pandemia

Agência Estado
O deputado Ricardo Barros, líder do governo na Câmara

O deputado Ricardo Barros, líder do governo na Câmara

Michel Jesus/ Câmara dos Deputados

Os líderes do governo no Congresso, senador Eduardo Gomes (MDB-TO), e na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), fizeram na manhã desta quinta-feira (20) uma reunião por videoconferência com outras lideranças partidárias para tentar reverter na Câmara a derrubada do veto ao reajuste de salários de servidores durante a pandemia do novo coronavírus.

De acordo com auxiliares do governo, a estratégia é argumentar aos deputados que derrubar o veto, assim como fizeram os senadores na noite da quarta-feira (19), representaria uma falta de responsabilidade com o País em um cenário de pós-pandemia.

Bolsonaro diz que 'será impossível governar' com reajuste de servidor

O Ministério da Economia calcula que, se confirmada, a derrubada do veto presidencial comprometeria uma economia fiscal entre R$ 121 bilhões e R$ 132 bilhões.

Após serem acionados pelo presidente Jair Bolsonaro, líderes do Centrão também atuam para ajudar o governo para reverter o resultado do Senado, entre eles o líder do PP, Arthur Lira (AL), que afirmou estar "trabalhando para manter" o veto de Bolsonaro ao reajuste dos servidores.

Últimas