Senado aprova projeto com regras para quarentena 

Em menos de dois dias, Câmara e Senado aprovaram proposta que vai acolher brasileiros que retornam da China e evitar o coronavírus

Projeto foi aprovado em dois dias para atender brasileiros que retornam da China

Projeto foi aprovado em dois dias para atender brasileiros que retornam da China

RENATO COSTA /FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

O Senado aprovou nesta quarta-feira (5) o texto-base do Projeto de Lei 23/20, que estabelece as medidas a serem adotadas pelas autoridades sanitárias em caso de emergência de saúde pública provocada pelo coronavírus. A proposta também teve aprovação da Câmara, na noite de terça-feira (4).

A proposta, de autoria do governo federal, prevê isolamento, quarentena e fechamento de portos, rodovias e aeroportos para entrada e saída do país.

De acordo com o Planalto, a aprovação do projeto é necessária porque a legislação brasileira está defasada quanto à definição de instrumentos jurídicos e sanitários adequados para combater o vírus.

O projeto foi encaminhado ao Congresso diante da necessidade de repatriar 29 brasileiros localizados na cidade chinesa de Wuhan, epicentro do coronavírus, que manifestaram interesse em voltar para o Brasil. Duas aeronaves decolaram nesta quarta-feira (5) para buscar o grupo, que ficará por 18 dias em quarentena em base área de Anápolis (GO).

Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro citou a ausência de uma lei sobre quarentena como um dos obstáculos para resgatar brasileiros que se encontram no exterior por conta do estado de emergência internacional relacionado ao coronavírus.