#SanatórioGeral: Adolescência tardia

Aos 50 anos de idade, Jean Wyllys chega à adolescência e avança em marcha acelerada rumo à infância 

  • Augusto Nunes | Do R7

Reprodução

“Entendo nada de futebol. Mas estava torcendo para a derrota da Seleção Brasileira. Neste momento, essa derrota significa menos poder ao fascismo. Aqui os argentinos fazem festa. E eu os aplaudo. Um novo Brasil nascerá após a derrota dos fascistas, e só então torceremos por ela”. (Jean Wyllys, ex-BBB e ex-deputado federal, explicando que a luta entre democratas e fascistas foi decidida na final da Copa América)

Últimas