Autos Carros Conheça as versões especiais das principais picapes médias

Conheça as versões especiais das principais picapes médias

Storm, Attack, Midnight e GR-S picapes distintas que possuem a mesma proposta

Ranger Storm alia visual despojado com esportividade

Ranger Storm alia visual despojado com esportividade

marcos camargo jr

O mercado de picape médias está agitado. Foram muitas novidades que chegaram esse ano e no próximo dia 17, a Toyota apresentará a nova Hilux para o mercado sulamericano. Entre as picapes mais vendidas de cada marca estão as versões com visuais esportivos, como Ford Ranger Storm, Nissan Frontier Attack, Chevrolet S10 Midnight e Toyota Hilux GR-S*.

O R7 Autos Carros separou as principais diferenças entre os quatro modelos e seus respectivos preços. Com exceção da picape da Toyota, os outros dois modelos são versões intermediárias, porém recheadas de itens de série e com visual diferenciado indo na linha da boa relação entre custo e benefício.

Nissan Frontier Attack também é opção entre as versões especiais das picapes

Nissan Frontier Attack também é opção entre as versões especiais das picapes

Marcos Camargo Jr

Ford Ranger Storm

Para quem busca uma picape robusta e com visual esportivo, vai encontrar na Ranger Storm uma boa opção neste mercado. A ideia da Storm é oferecer um visual despojado e esportivo com “custo benefício” em relação às versões das concorrentes.

Guilherme Magna

Por fora, já dá para perceber as principais diferenças da versão. As faixas pretas no capô e portas carregam o nome Storm. A grande dianteira também traz o nome da versão. O santantonio também é na cor preta e finalizando a parte externa as rodas de 18’’ ganha um visual escurecido.

Sob o capô a Ford equipou a picape com motor 3.2l Duratorq turbodiesel de 200cv

Sob o capô a Ford equipou a picape com motor 3.2l Duratorq turbodiesel de 200cv

Guilherme Magna

Já na parte interna da Ford Ranger Storm, encontramos o que realmente esperamos em uma picape: robustez e sobriedade. O painel não possui muitas linhas, mas recebe uma central multimídia Sync3, com espelhamento para Apple CarPlay e Android Auto. Logo abaixo estão os comandos do ar-condicionado digital, dual-zone e mais abaixo o câmbio automático de seis velocidades.

Sob o capô a Ford equipou a picape com motor 3.2l Duratorq turbodiesel de 200cv e 47,9kgfm em todas as versões.

De série a picape é equipada com sete airbags, Controle anticapotamento, Luz de emergências em frenagens bruscas e mais

De série a picape é equipada com sete airbags, Controle anticapotamento, Luz de emergências em frenagens bruscas e mais

Guilherme Magna

De série a picape é equipada com sete airbags, Controle anticapotamento, Luz de emergências em frenagens bruscas, ISOFIX, Controle adaptativo de carga, Controle de oscilação de reboque, Assistente de partida em rampa, Assistente em frenagem de emergência, Freios ABS com EBD, Controle automático de descida, Sensor de estacionamento traseiro, Controle Eletrônico de estabilidade (ESC) e tração (TCS).

Preço: R$ 180.390

Nissan Frontier Attack

O cartão de visitas do carro é agradável com visual que foi pensado para entregar jovialidade para a Frontier. Por isso, os adesivos pretos no capô, barra inferior dianteira, rack no teto, faróis com máscara negra, santantônio e grade escurecidos, além dos estribos que facilitam a vida dos passageiros para entrar na cabine, fazem parte do pacote. Ao mesmo tempo, usa rodas de liga leve também com visual escurecido aro 16" com pneus mistos.

O cartão de visitas do carro é agradável com visual foi pensado para sugerir esportividade para a Frontier

O cartão de visitas do carro é agradável com visual foi pensado para sugerir esportividade para a Frontier

Marcos Camargo

Para essa versão o carro ganhou a central multimídia A-IVI de 8” com espelhamento de Android Auto e Apple CarPlay, a câmera de ré, que também não tinha no modelo anterior, mas o cluster ainda é antigo com mostradores analógicos.

A Frontier Attack oferece pouco além do trivial ar-condicionado com saídas traseiras, direção hidráulica, trio elétrico, volante multifuncional com ajuste de altura e computador de bordo.

Sob o capô a picape é equipada com motor 2.3l biturbo de 190 cv e 45,9kgfm de torque

Sob o capô a picape é equipada com motor 2.3l biturbo de 190 cv e 45,9kgfm de torque

Pedro Dantas - Nissan Divulgação

Sob o capô a picape é equipada com motor 2.3l biturbo de 190 cv e 45,9kgfm de torque, junto a um câmbio automático de sete velocidades.

A Nissan Frontier Attack apresenta um conforto acima da média, em relação ao seus concorrentes, mas o nível de equipamentos ainda pede melhorias, mesmo o carro trazendo controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas e o controle de descida, o carro ainda peca em itens de entretenimento hoje tão desejados mesmo por quem compra uma pick-up com habilidades off road. Além de ter seus dois airbags, ISOFIX, Freios ABS com EBD, entre outros.

O preço da versão Attack está a partir de R$ 189.690.

O preço da versão Attack está a partir de R$ 189.690.

Pedro Dantas - Nissan Divulgação

Preço: R$ 189.690

Toyota Hilux GR-S

Entre as versões citadas neste matéria, a picape da Toyota é única que trabalha com duas opções de motorização motor a diesel de 177 cv a 3.400 rpm e torque de 45,9 kgfm de 1.600 a 2.400 rpm, e a versão V6 a gasolina equipada com o motor 1GR 4.0L V6 24V DOHC, com duplo VVTi de 234 cv, capaz de gerar 38,3 kgfm de torque máximo a 3.800 rpm.

Nesta versão a Toyota trabalha com motorização a gasolina e a diesel

Nesta versão a Toyota trabalha com motorização a gasolina e a diesel

Divulgação

O exterior da nova Hilux GR-S apresenta imagem mais esportiva. A dianteira traz o símbolo "GR" adicionado à grade com o emblema "Toyota", enquanto o protetor frontal aumenta a robustez.

Para completar o pacote externo, todas as versões da nova Hilux GR-S contam um novo design de santantônio, com linhas mais dinâmicas e cor cinza de maior contraste. A capota marítima de série completa o conjunto, oferecendo maior funcionalidade.

A dianteira traz o símbolo "GR" adicionado à grade com o emblema "Toyota"

A dianteira traz o símbolo "GR" adicionado à grade com o emblema "Toyota"

Divulgação

O design interno da nova Hilux GR-S combina a esportividade com o conforto característico do utilitário. Os bancos são revestidos de couro preto perfurado com fundo vermelho, em sintonia com as costuras vermelhas dos braços, freio de mão e console central. O estofamento no teto e as colunas são na cor preta.

A nova Hilux GR-S compartilha o mesmo nível de recursos Hilux SRX: faróis de LED, navegador integra o sistema multimídia com tela de 8" sensível ao toque; o Smart Key que funciona por aproximação. Além disso, dispõe de controle de velocidade de cruzeiro, bem como um comando no volante para exibição de informações múltiplas.

O design interno da nova Hilux GR-S combina a esportividade com o conforto característico do utilitário.

O design interno da nova Hilux GR-S combina a esportividade com o conforto característico do utilitário.

Divulgação

Preço: R$ 220.090.

Chevrolet S10 Midnight

Chevrolet Divulgação

A versão Midnight é a mais antiga entre as utilitárias e a que faz mais sucesso e mais vende entre as concorrentes. O estilo Midnight é composto pela pintura na cor preta perolizada (Preto Ouro Negro), acabamento específico com itens na cor preta bem como detalhes externos. O emblema também muda seguindo o estilo oferecido em outros produtos da gama GM como Equinox e Onix Plus.

Em termos de motorização nada muda. A S10 recebe o turbodiesel 2.8 de 200 cv e 51 kgfm de torque com câmbio automático. Entre as atualizações da linha 2021 estão também a multimídia que passa a usar o sistema MyLink com OnStar e internet 4G com wi-fi a bordo e itens como carregador de celular por indução. Em termos de segurança ela recebeu algumas melhorias além de um conjunto de seis airbags de série.

Preço: a partir de R$ 176,9 mil

*além das pickups citadas a Mitsubishi tem a L200 versão 2021 com a versão Outdoor com este perfil. No entanto, não tivemos contato com esta pickup até a publicação da matéria.

*Por Guilherme Magna

Últimas