Autos Carros Marcas chinesas já estariam interessadas na fábrica da Ford na Bahia

Marcas chinesas já estariam interessadas na fábrica da Ford na Bahia

Grupo Caoa pode apoiar fabricantes orientais na compra de unidade fabril

Governo da Bahia também procura outros compradores para a linha de montagem

Governo da Bahia também procura outros compradores para a linha de montagem

Reprodução Internet

As marcas Changan, GAC, Geely e Great Wall estariam interessadas na compra da fábrica da Ford em Camaçari, na Bahia. Essas marcas seriam apoiadas pelo Grupo Caoa para estabelecer uma parceria igual a da Chery na linha de produção de Jacareí (SP). A informação foi divulgada pela CNN Brasil e coloca como pivô das negociações o próprio governo estadual. Além disso, o governo avalia outros compradores para unidade fabril segundo a agência de notícias.

FORD - MOTIVO da saída e HISTÓRIA da marca no Brasil. Veja o vídeo!

Se alguma empresa comprar a fábrica baiana terá um complexo pronto para produção de veículos, já que lá eram produzidos os atuais modelos da marca: Ka, Ka Sedan e EcoSport. A unidade fabril ainda tem como vantagem ter um polo industrial com empresas de lado, o que facilita a logística para fornecer peças ou outros insumos.

FIM DA FORD NO BRASIL? Ka e EcoSport sairão de linha! Saiba tudo. Veja o vídeo!

Apesar de não comentar o assunto, o Grupo Caoa esteve interessado na compra da fábrica de São Bernardo do Campo, na grande São Paulo. Porém, um acordo não se concretizou e o terreno foi adquirido por uma construtora.

O grupo Changan já avaliou parcerias locais para a produção de modelos comerciais que tem grande apelo para o mercado brasileiro. A Changan tem um amplo portfólio com sedãs compactos como o Alsvin e os crossovers da linha CS além das minivans Star.

Geely é proprietária do grupo Volvo

Geely é proprietária do grupo Volvo

Reprodução Internet

A Geely, proprietária do grupo Volvo, já teve parceria com a KIA Motors do grupo Gandini e ensaiou uma entrada no mercado nacional há alguns anos.

O mesmo vale para a Great Wall, uma das maiores fabricantes da China. Dona de várias marcas locais como Haval, Wey e Ora o grupo fabricou 1,1 milhão de veículos em 2020.

*Em colaboração Felipe Salomão

Últimas