Blog do Nolasco Bolsonaro diz que filiação ao PL ainda não está fechada

Bolsonaro diz que filiação ao PL ainda não está fechada

Chefe do Executivo rejeita coligações com partidos de esquerda nos estados e faz exigências

  • Blog do Nolasco | Thiago Nolasco, da Record TV, e Renato Souza, do R7

Joédson Alves/EFE - 11.11.2021

O presidente Jair Bolsonaro afirmou neste domingo (14), nos Emirados Árabes Unidos, que a negociação para sua ida ao PL para disputar as eleições de 2022 ainda não está totalmente fechada. O chefe do Executivo pede o cumprimento de algumas exigências que ainda não foram atendidas.

O chefe do Executivo quer que a sigla abra mão de qualquer coligação com o PT nos estados. Ele também critica qualquer tipo de atuação eleitoral conjunta com partidos de esquerda. O presidente do PL, Valdemar Costa Neto, já divulgou que a filiação do presidente ocorre no dia 22 deste mês. 

No entanto, Bolsonaro não deu certeza sobre a data. Ele quer, por exemplo, que não ocorra coligação com o PT, PDT e Psol nos estados do Piauí, Bahia e Pernambuco. "Só vale depois que eu assinar embaixo. Enquanto não assinar não vale", disse ele. "Quer saber a data da criança se eu nem casei ainda. Que data vai nascer a criança. Tem muita coisa a conversar com o Valdemar", completou.

As declarações foram confirmadas também pelo filho dele, senador Flavio Bolsonaro (Patriotas-RJ), em entrevista exclusiva ao blog. O presidente está em viagem oficial aos Emirados Árabes realizando acordos de cooperação e parcerias comerciais.

No PL, as articulações estão avançadas. A sigla está disposta a abrir mão de alguns parlamentares e modificar sua estrutura para ser a casa política do presidente nas eleições que ocorrem em menos de um ano.

Últimas