Blog do Nolasco Bolsonaro vai à posse de presidente de direita do Equador

Bolsonaro vai à posse de presidente de direita do Equador

Chefe do executivo federal embarca no domingo e também vai participar de jantar oferecido pelo embaixador brasileiro no país

  • Blog do Nolasco | Thiago Nolasco, da Record TV

Bolsonaro embarca para o Equador no domingo

Bolsonaro embarca para o Equador no domingo

Isac Nóbrega/PR - 21.05.2021

Jair Bolsonaro embarca domingo (23) para o Equador, depois de participar no Rio de Janeiro, de passeio de moto com apoiadores. A previsão é que irá desembarcar em Quito às 18h no horário local.

Ainda no fim de semana, o presidente participará de um jantar na embaixada brasileira em Quito, organizado pelo embaixador João Almino.

O principal compromisso de Jair Bolsonaro será na segunda-feira (24): a posse do novo presidente do Equador, Guilhermo Lasso, um banqueiro conservador que, na terceira tentativa de se eleger presidente, venceu a disputa com o candidato de esquerda, ligado ao ex-presidente Rafael Correa. Lasso, além da direita tradicional, conseguiu ampliar a base de eleitores para vencer a disputa acirrada.

Mas o partido do novo presidente equatoriano só conseguiu 12 assentos na Assembleia Nacional e mais outras 19 que ficaram com o principal partido de apoio. A oposição tem 48 deputados e deve dificultar os planos de Lasso, que será obrigado a negociar.

A ida de Bolsonaro ao Equador é estratégica. Depois da derrota de Maurício Macri na Argentina e da direita perder força no Chile, Lasso é o primeiro líder do mesmo campo ideológico do presidente brasileiro a ganhar uma disputa presidencial na América do Sul.

A posse de Guillhermo Lasso será na Assembleia Nacional do Equador, quando o atual presidente, Lenín Moreno, deixa o cargo. Depois da posse, Bolsonaro irá a um almoço dos chefes de Estado e retorna ao Brasil. A previsão é desembarcar em Brasília no início da madrugada de terça-feira (25).

Últimas