Christina Lemos Depois de votar, Lula fala sobre apoio a Boulos e disputa com Ciro

Depois de votar, Lula fala sobre apoio a Boulos e disputa com Ciro

O ex-presidente votou em São Bernardo do Campo e parou para uma rápida conversa com os jornalistas que estavam no local

O ex-presidente Lula votou na manhã deste domingo (15)

O ex-presidente Lula votou na manhã deste domingo (15)

DANILO M YOSHIOKA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 15/11/2020

O ex-presidente Lula votou na cidade de São Bernardo do Campo (SP) na manhã deste domingo (15) e deu uma rápida entrevista coletiva. Ele disse que se sente feliz por votar porque "isso consolida a democracia em nosso país" e também comentou a situação de Jilmar Tatto, candidato do PT à prefeitura de São Paulo.

Uma das questões que o ex-presidente teve de responder foi sobre um possível apoio a Guilherme Boulos, candidato do PSOL, ainda no primeiro turno. Essa era uma discussão que vinha acontecendo internamente no PT, com muita gente indicando que Tatto deveria pedir votos para Boulos. "Figuras importantes no PT fizeram documento de adesão ao Boulos bem antes de a campanha começar. E nós temos que respeitar, porque as pessoas são livres para escolher seu candidato".

Lula acrescentou que Gleisi Hoffman, presidente do partido, procurou Tatto para falar sobre a situação, mas que a indicação no rival do PSOL dependia exclusivamente do candidato petista. "Foi uma atitude soberana dele (Tatto) dizer que não ia retirar a candidatura". 

A respeito de uma possível aliança com Ciro Gomes nas eleições de 2022, Lula falou o seguinte: "Temos o direito de sermos adversários".

Últimas