Reino Unido

Christina Lemos Inglaterra completa 1 mês de vacinação. Brasil segue sem definir data.

Inglaterra completa 1 mês de vacinação. Brasil segue sem definir data.

O Reino Unido completa nesta sexta-feira um mês de vacinação em massa de sua população. Brasil prevê 3 possíveis datas para iniciar a imunização e cria regras para eventual confisco de seringas e agulhas

Passa bem a irlandesa Margareth Keenan, de 90 anos, primeira cidadã do Reino Unido, a tomar a vacina contra a Covid-19. A idosa, que recebeu o imunizante da Pfizer, de fabricação americana, ao que tudo indica até o momento, está imune ao vírus que matou milhões de pessoas de sua faixa etária - e fora dela - ao redor do mundo. A rotina de vacinação em massa completa um mês esta sexta-feira no reino de Elizabeth II e no país de Boris Johnson. Hoje mesmo os britânicos começam a receber também a vacina de Oxford - uma marca histórica para a ciência do país.

A imunização também avança rapidamente e 47 nações já iniciaram a vacinação e há aquelas que têm vacina para alcançar toda a população, não apenas alguns grupos de cidadãos, como Alemanha e Canadá. Entre economias e perfis populacionais mais parecidos com o Brasil, México, Chile e a vizinha Argentina estão em dia com sua agenda anti-Covid.

Margaret Keenan, de 90 anos,  foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a covid no Reino Unido

Margaret Keenan, de 90 anos, foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a covid no Reino Unido

Jacob King/EFE-EPA –08-12-2020

O Brasil inicia a primeira segunda-feira de 2021 com planos ainda incertos: nota do Ministério da Saúde informa que “a pasta trabalha com três margens temporais”, mas não fixa uma data clara para o início vacinação. As três hipóteses mencionadas estão no intervalo de 20 de janeiro a 10 de fevereiro.

Apesar do atraso na corrida mundial na corrida pela vacina, a previsão tiraria o Brasil - segundo país em número de casos da Covid-19 - da indefinição, não fosse o anúncio seguinte, vindo agora do Ministério da Economia: uma portaria prevendo a possibilidade de confisco de seringas e agulhas destinadas à exportação.

Dentro de algumas semanas, a pandemia completa um ano de inclusão do Brasil em sua rota. A gestão do segundo ano da doença segue determinante para a definição dos planos de Ano Novo do país.

Últimas