Novo Coronavírus

Christina Lemos Pazuello fará entrega de vacinas a governadores amanhã em SP

Pazuello fará entrega de vacinas a governadores amanhã em SP

Há 18 políticos confirmados para o evento que vai acontecer no Centro de Logística do Ministério da Saúde, em Guarulhos 

  • Christina Lemos | Do R7, com Agência Estado

Anvisa autorizou uso emergencial de vacinas contra a covid-19, neste domingo (17)

Anvisa autorizou uso emergencial de vacinas contra a covid-19, neste domingo (17)

Gareth Fuller/PA Wire/Pool via Reuters

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, distribuiu convites aos governadores dos Estados para que eles participem, na manhã de segunda-feira (18), do que a pasta está chamando de "ato simbólico de recebimento das vacinas". Mais cedo, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou por unanimidade a autorização para uso emergencial das vacinas de Oxford e da CoronaVac.

Até o momento, há 18 governadores confirmados para o evento que vai acontecer amanhã, às 7h, no Centro de Distribuição Logística do Ministério da Saúde, na cidade de Guarulhos, região metropolitana de São Paulo. A presença do ministro está confirmada. De acordo com a pasta, as "doses serão distribuídas de forma proporcional e simultânea a todos os estado brasileiros".  

João Dória, de São Paulo, com quem o ministro trocou acusações públicas nesse domingo, não estará presente. Ele será representado pelo vice, Rodrigo Garcia. 

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), publicou no Twitter a cópia da mensagem enviada pela pasta. "Acabo de receber do Ministério da Saúde o convite para o ato simbólico de entrega das vacinas que iniciarão a imunização dos brasileiros e brasileiras", disse.

No ato marcado para Guarulhos (SP), está prevista a divisão dos lotes de 6 milhões de doses da Coronavac que começarão a ser distribuídos proporcionalmente para os Estados. Até agora, o ministério não informou a quantidade a ser enviada para cada local. A pasta diz que a vacinação nacional começa na quarta-feira (20). 

Distribuição de vacina começa amanhã, diz Saúde

O ministro Eduardo Pazuello concedeu entrevista coletiva, neste domingo (17), para falar sobre a aprovação de uso emergencial das vacinas de Oxford e da CoronaVac. Direto do Into (Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia), no Rio de Janeiro, ele anunciou a data de distribuição das 6 milhões de doses disponíveis no país e, ainda, alguns detalhes do PNI (Plano Nacional de Imunização), que deve começar na quarta-feira (20) em todos os estados.

"Determinei, imediatamente após a aprovação do uso emergencial da Anvisa, ao departamento de logística do Ministério da Saúde que faça a preparação específica dos lotes para cada estado e Distrito Federal. Amanhã, às 7h, iniciaremos a distribuição das doses para todos os estados, com o apoio do Ministério da Defesa, com o deslocamento aéreo”, disse.

De acordo com o cronograma do governo, os imunizantes serão distribuídos considerando os grupos prioritários e a proporção de cada estado. O planejamento foi preparado pela Secretaria de Vigilância em Saúde, considerando "todas as hipóteses e cenários." A expectativa é que as primeiras vacinas sejam aplicadas na quarta-feira (20), a partir das 10h.

Últimas