Coluna do Fraga Ministro compara risco de arma em casa a liquidificador

Ministro compara risco de arma em casa a liquidificador

Onyx Lorenzoni disse, após decreto de posse de armas, que é preciso ter educação e orientação quanto às armas em casa 

Ministro compara risco de arma a liquidificador

Ministro compara risco de arma a liquidificador

Ministro compara risco de arma a liquidificador

Agência Brasil

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, comparou o risco de se ter uma arma em casa ao de um liquidificador. 

— Às vezes a gente vê criança pequena que coloca o dedo no liquidificador, liga o liquidificador, vai lá e perde o dedinho. E daí, nós vamos proibir o liquidificador? É uma questão de educação e de orientação.

O ministro conversou com jornalistas, inclusive a Coluna, após a assinatura do decreto que criou novas regras para a posse de armas de fogo no Brasil. O texto exige que quem tem crianças, adolescentes ou portadores de necessidades especiais em casa deve declarar que tem um cofre ou local seguro para armazenar as armas. Apesar da exigência, o uso do cofre ou local seguro não será alvo de fiscalização. Onyx disse ainda que criou quatro filhos com arma em casa. 

— Eu criei quatro filhos com arma dentro de casa. Meus filhos nunca foram lá brincar com arma porque eu ensinei a todos eles o que ela significava.