Networking

Reprodução

Todos nós já ouvimos isso um milhão de vezes: “a melhor maneira de criar oportunidades de emprego para você é criando uma rede profissional”. Obviamente, para se conectar, você precisa de pessoas com quem se relacionar - e dependendo da situação atual, essas pessoas podem estar em falta.

Um dos maiores motivos para frequentar cursos e especializações é que se cria uma rede, que pode trazer muitos benefícios profissionais. Você está constantemente sendo lançado em situações em que é forçado (no bom sentido!) a conhecer novas pessoas e criar conexões significativas.

Mas, por agora, você não precisa investir em um curso caríssimo para tal façanha. Vou te contar os segredos de networking que aprendi. Pense nisso como um atalho muito menos caro para um novo círculo de conexões profissionais.

Se você acabou de se formar na faculdade, mudou para uma nova cidade ou está explorando um setor completamente novo, aqui estão cinco maneiras de construir sua rede do zero.

1. Crie um grupo dos ex-alunos da sua faculdade/curso
Os grupos de ex-alunos da faculdade são uma ótima maneira de começar a construir seu networking, já que cada um tem um nível de influência que pode te ajudar a crescer no mercado.

2. Mantenha a mentalidade de busca de emprego
A maioria das pessoas se esforça ao máximo para construir uma rede quando está procurando ativamente um novo emprego. Mas, mesmo se você não estiver marcando entrevistas, adotar a mentalidade de procura de emprego pode ajudá-lo a impulsionar seu jogo de networking.

Comprometa-se a gastar 15 minutos todos os dias em atividades típicas de busca de emprego - por exemplo, enviar mensagens para os seus contatos no LinkedIn, inscrever-se em conferências profissionais ou enviar um feedback para os participantes de reuniões anteriores, Será apenas uma pequena parte do seu dia, mas você ficará surpreso com a rapidez com que isso o ajudará a se conectar com um grande grupo de pessoas.

3. Socialize
O conselho “Vá lá e faça novos amigos!” pode parecer divertido demais para ser associado a uma rede séria, mas na verdade é muito eficaz: simplesmente ser social é uma ótima maneira de começar.

Experimente expandir seu círculo social indo a encontros , entrando em um time de futebol os finais de semana ou fundando um clube para interação, quem sabe até encontros virtuais já que estamos em meio à pandemia - ou seja, ao fazer novos amigos, você também fará novas conexões profissionais que poderá adicionar à sua crescente rede. (mesmo que eles não estejam no mesmo ramo que você, nunca se sabe quem eles conhecem.)

4. Mantenha-se atualizado em sua área de interesse
À medida que você começa a se conectar mais, é importante fazer sua lição de casa ficando por dentro do que está acontecendo em seu setor. Leia as notícias e fique por dentro dos impulsionadores e agitadores do seu setor. Para descobrir quem seguir, recomendo pesquisar tópicos relevantes do setor no Twitter, no LinkedIn ou Instagram, para que você possa ter uma ideia de quem está ativo em sua comunidade profissional específica. Você pode até se envolver na conversa interagindo com essas pessoas nas redes sociais.
Ao se manter atualizado sobre o que está acontecendo em sua área, você poderá quebrar o gelo ao encontrar novos contatos e iniciar conversas significativas sobre tópicos profissionais.

5. Peça ajuda
Você pode estar construindo uma rede do zero, mas isso não significa que não possa aproveitar as vantagens das conexões que já possui. Pergunte aos seus parentes, amigos, vizinhos ou até mesmo ao seu carteiro se eles conhecem pessoas que trabalham na mesma área que você. Não tenha vergonha, o máximo que pode receber é um não.

Construir uma rede do zero não é uma tarefa fácil, mas vale a pena o trabalho árduo - porque, a longo prazo, você estará preparado para novas oportunidades e vitórias profissionais.

Invista em você e colherá muitos frutos, pode demorar, mas “dinheiro não cresce em árvore”. Não desista e persista. As oportunidades surgem de onde menos esperamos.

Últimas