Jair Bolsonaro

Guto Ferreira Não, as eleições não precisam de impressão em papel. Bolsonaro mente.

Não, as eleições não precisam de impressão em papel. Bolsonaro mente.

No Brasil do surreal, é normal defender a volta às trevas, ao curandeirismo e período do atraso moral. Parte das pessoas, ignorantes por falta de oportunidade, cai no conto do vigário ao invés de estudar. Até quando?

  • Guto Ferreira | Do R7

A urna injustiçada que tira o sono de Bolsonaro

A urna injustiçada que tira o sono de Bolsonaro

tribunal superior eleitoral

Nos últimos meses o presidente Bolsonaro conseguiu emplacar uma pauta polêmica nas discussões populares de bar, redes sociais e zap zap: o voto impresso. Sob o pretexto de afirmar categoricamente que as eleições são fraudadas, Bolsonaro quer, mais uma vez, criar o caos. Mas existem dúvidas na narrativa do presidente. Você as conhece?

. Em 1993, em entrevista ao Jornal do Brasil, Bolsonaro CRITICOU o voto impresso e defendeu a informatização das eleições. 

. Desde a informatização das eleições, Bolsonaro e seus filhos foram eleitos sucessivamente e nunca, repito NUNCA denunciaram nenhuma fraude nas apurações. 

. Desde que colocou na cabeça, sabe-se lá porque, que a urna eletrônica pode ser fraudade, Bolsonaro nunca, repetindo, NUNCA apresentou nenhuma prova sobre isso.

. Você sabia que as urnas eleitorais JÁ SÃO verificáveis e auditáveis, inclusive pelos atores políticos das campanhas eleitorais, como advogados e fiscais de cada partido?

Então fica a dúvida: Por quê agora? Porque ele insiste nisso? Por quê desinforma as pessoas? Por quê mente? A resposta é até simples. Bolsonaro precisa de um inimigo. De preferência um oculto, que não consiga debater. Assim, sua pouca inteligência pode parecer, aos olhos do grande público, alguma coisa maior. 

Bolsonaro quer desacreditar um sistema (que pode sim ter falhas) sem apresentar uma única prova. E você? Por quê acredita? Por quê não pede, ou melhor, exige provas ao presidente para acreditar nele? Imagine alguém te acusando de um crime. E você sendo punido. Não gostaria de ver as provas contra você? Imagine você, que se diz cristão e apoia o presidente Bolsonaro, sendo acusado de algo. Ou você, ou seu pastor, ou sua congregação. Você aceitaria ou exigiria provas? Claro que sim. Do ponto de vista religioso, espero que você se lembre que contra Jesus, nada foi apresentado de provas. E ele foi condenado à crucificação. 

Você, que aplaude Bolsonaro e replica suas opiniões sem sentido age EXATAMENTE IGUAL àqueles que conderam Jesus sem prova. Que belo cristão hein?

Já do ponto de vista legal, Bolsonaro deveria ser no mínimo processado. É uma irresponsabilidade, alguém que só se beneficiou do processo, inclusive sendo eleito presidente da república, tentar desacreditar o sistema apenas pelo fato de que ele próprio está se inviabilizando eleitoralmente para 2022, graças aos casos de corrupção e imoralidade de seu governo.

A tecnologia dificilmente retroage. Geralmente só aperfeiçoa sua tecnologia ou as tecnologias envolvidas em algum processo. É mais fácil tornar a urna eleitoral mais transparente, por meio do avanço tecnológico, do que defender uma dupla verificação por papel. Nada justifica a volta ao atraso. Bolsonaro é um mentiroso, um desqualificado e infelizmente incompetente para o cargo. Enquanto temos a possibilidade de debater inclusive um avanço a mais, para o voto digital, direto da sua casa, do seu celular por exemplo, perdemos tempo em uma narrativa canalha contra a democracia.

Antes de defender o voto impresso leitor, EXIJA justiça e verdade e cobrem do inseguro presidente da república as provas que ele diz ter e que nunca apresentou. Queiram um país de ponta e não este pequeno defendido pelo tal messias.

Últimas