Finanças Pessoais

O que é que eu faço Sophia Dia da Poupança: 28 dicas simples para guardar dinheiro todo dia

Dia da Poupança: 28 dicas simples para guardar dinheiro todo dia

Pandemia mostrou a importância da reserva de emergência para conter endividamento em tempos difíceis, revela estudo

Redução de gastos com viagens, festas e compras supérfluas ajudou a economizar

Redução de gastos com viagens, festas e compras supérfluas ajudou a economizar

PxHere

Neste domingo (31), é comemorado o Dia Mundial da Poupança, mas os brasileiros não têm tido muito o que comemorar. 

Segundo o estudo Raio X do Investidor 2021 realizado pela Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), o número de investidores em 2020 caiu pela primeira vez desde que a pesquisa começou a ser feita. Eram 44% em 2019 e passaram a 40% na amostra em 2020.

O resultado é consequência direta dos efeitos da pandemia no bolso, já que a pesquisa identificou que 55% da população teve perda de rendimento ao longo de 2020.

Mas o estudo também identificou que os que tiveram alguma perda de renda durante a pandemia mas não precisaram se endividar ou vender algum bem para honrar seus compromissos financeiros tinham uma reserva de emergência à qual recorreram para ajudar a pagar as contas.

Quem não se endividou recorreu à reserva de emergência

Outro dado muito interessante do levantamento foi que uma parte das pessoas conseguiu economizar dinheiro também durante a pandemia e isso ocorreu com a redução de compras supérfluas e gastos com viagens, idas a bares e restaurantes, festas e viagens.

Esse estudo mostra, portanto, a importância da reserva financeira e a possibilidade real de economia nas contas quando cortamos o supérfluo.

Para a planejadora financeira Annalisa Blando Dal Zotto, sócia da consultoria Par Mais, é preciso mudar a forma como lidamos com o dinheiro.

Pague-se antes: poupe 10% do seu dinheiro logo que recebe o salário

Annalisa Blando Dal Zotto, sócia da consultoria Par Mais

"As pessoas costumam poupar apenas se sobra algum dinheiro, mas isso quase nunca acontece. ”Eu prefiro a estratégia do ‘pague-se antes’. Quando você separa, por exemplo, 10% do seu dinheiro logo depois que recebe o seu salário, pode ser difícil no início, mas gradualmente você aprende a viver com os 90% restantes”.

Veja 28 dicas de como economizar no dia a dia

Tânia Rêgo/Agência Brasil - 20.05.2020

Com comida

1. Prepare com antecedência um cardápio da semana e compre exatamente o que vai precisar no mercado e na feira.

2. Se preparar a comida com antecedência e congelar as porções, vai economizar tempo também.

3. Se trabalha fora, prefira levar marmita.

4. Caso coma em restaurantes no horário de trabalho, prefira aqueles que premiam a fidelidade.

5. Reveze com os colegas de trabalho a compra de lanches e café para economizar.

Pixabay

Com o carro

6. Avalie se não gasta demais com seu carro: veja quanto paga de imposto, seguro, combustível, manutenção, se o carro está financiado, e quanto usa o carro no mês.

7. Experimente usar um mês o transporte público e pedir carros por aplicativos para ver quanto gasta.

8. Um carro próprio também pode ser uma fonte de renda (dirigindo aplicativos, por exemplo)

9. Confira mais dicas para economizar combustível

Pixabay

Com a casa

Não dá para descuidar das contas da casa. Só em 2021, a energia elétrica aumentou e o botijão de 13 kg do gás de cozinha já chega a passar dos R$ 135. Por isso, é essencial economizar:

10. Veja como economizar na conta de luz

11. Saiba como economizar água

12. Veja como gastar menos gás na hora de cozinhar

Dewang Mhatre / Pixahive

Com o telefone

13. A cada seis meses, faça uma revisão dos planos, pois novos planos vão surgindo.

14. Quem utiliza pouco uma linha fixa pode até dispensar esse gasto.

15. Avalie se precisa de um pós-pago ou se as opções pré-pagas não são mais convenientes e econômicas.

Pixabay

Com a TV

16. Há diversas opções para quem gosta de filmes. Verifique se precisa do pacote mais caro de TV a cabo ou se é possível diminuir esse custo.

17. Avalie os preços cobrados nos combos e no produto individual.

18. Compare os pacotes entre as empresas.

19. Avalie se utiliza todos os serviços de streaming que paga.

Com despesas pessoais

Flipar

Saúde

 20. A principal economia é tendo cuidado diário com o corpo — observando a alimentação, se realiza exercícios físicos, se faz consulta aos médicos regularmente.

  21. Não é preciso pagar academias caras para sair do sedentarismo: faça caminhadas, vá ao parque, desça um ponto antes.

Wokandapix /Pixabay

Educação

22. A educação é considerada um investimento, não um gasto. Mesmo assim, é preciso avaliar se está investindo corretamente.

23. Não adianta fazer um curso só por fazer, pois assim estará desperdiçando dinheiro. Faça cursos que tenham a ver com sua vocação ou no que já está trabalhando.

24. Se quiser mudar de carreira, pense em algo que depois vá aproveitar.

25. Ao escolher uma escola, é possível pedir desconto, fazer testes para obter bolsas.

26. A oferta de cursos gratuitos realizados online aumentou durante a pandemia. Veja esta lista de cursos gratuitos com certificado.

Rovena Rosa/Agência Brasil

Lazer

27. Ao sair, é preciso saber quanto pode e quer gastar e com quê. Se vai sair só para olhar, não leve cartão, mas apenas dinheiro contado. Ao sair com cartão, inconscientemente já está se autorizando a gastar.

28. Procure opções de lazer gratuito

Fontes: Anbima e ParMais Consultoria Financeira

________________________

Se ainda tiver mais dúvidas sobre economia, dinheiro, direitos e tudo o mais que mexe com o seu bolso, envie suas perguntas para O que é que eu faço, Sophia? pelo e-mail sophiacamargo@r7.com

Últimas