Imposto de Renda 2021

O que é que eu faço Sophia Fechei a conta, para onde foi o dinheiro da minha restituição do IR?

Fechei a conta, para onde foi o dinheiro da minha restituição do IR?

Internauta fechou a conta-corrente que tinha indicado para restituir o imposto; veja o que fazer

Dinheiro fica por um ano no Banco do Brasil

Dinheiro fica por um ano no Banco do Brasil

Marcos Santos/USP Imagens

Sophia, pode me ajudar? Fechei a conta, para onde foi o dinheiro da minha restituição do IR?

Marcos Philippini

Resposta:  O pagamento da restituição é realizado diretamente na conta bancária informada na declaração do Imposto de Renda, mas caso a conta bancária tenha sido desativada, a Receita Federal informa que o dinheiro fica disponível para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

Durante esse prazo, é possível reagendar o pagamento da restituição pelos seguintes meios:

1) Portal do Banco do Brasil:

Site: https://www.bb.com.br/irpf

2) Central de atendimento do Banco do Brasil:

Pelos telefones:

4004-0001 (capitais)

0800-729-0001 (demais localidades)

0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos)

E se a restituição já foi devolvida há mais de um ano?

Caso o contribuinte não resgate o valor de sua restituição no prazo de um ano, então deverá fazer o pedido pelo portal e-CAC.

Acesse o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e depois clique em "Solicitar restituição não resgatada na rede bancária".

Como acessar o portal e-CAC?

Para entrar no portal e-CAC (Centro de Atendimento Virtual ao Contribuinte da Receita Federal) é possível seguir dois caminhos: criar um código de acesso ou uma conta gov.br.

Para criar um código de acesso é preciso ter em mãos CPF, data de nascimento e o número dos recibos das duas últimas declarações entregues (por exemplo, a declaração de 2021 e 2020).

Confira neste link o passo a passo para criar um código de acesso.

Ou veja aqui como criar a conta para o portal gov.br

Como consultar a restituição do IR?

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal (http://idg.receita.fazenda.gov.br)

Pelo e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se existem pendências identificadas no processamento.

Caso isso aconteça, o contribuinte pode corrigir a declaração através da entrega de uma declaração retificadora.

Leia também: Saiba como fazer uma declaração retificadora

Também é possível fazer a consulta pelo aplicativo da Receita que informa a situação da declaração e também a situação cadastral da inscrição do CPF.

______________________________________

Tem alguma dúvida sobre economia, dinheiro, direitos e tudo mais que mexe com o seu bolso? Envie suas perguntas para “O que é que eu faço, Sophia?” pelo e-mail sophiacamargo@r7.com.

Últimas