R7 Planalto Advogado assume nesta terça vaga de senador morto por covid-19

Advogado assume nesta terça vaga de senador morto por covid-19

A posse está prevista para 16h, no bunker do Prodasen, local de onde são feitas as reuniões virtuais, no Senado Federal, em Brasília

  • R7 Planalto | Daniela Matos, da Record TV, com Plínio Aguiar, do R7

Arolde de Oliveira (à esq.) e Carlos Portinho (à dir.)

Arolde de Oliveira (à esq.) e Carlos Portinho (à dir.)

Reprodução Facebook

O advogado Carlos Portinho assume, nesta terça-feira (3), o cargo de senador pelo Rio de Janeiro na vaga deixada por Arolde de Oliveira, morto por covid-19.

A posse está prevista para 16h, no bunker do Prodasen, local de onde são feitas as reuniões virtuais – as posses, antes da pandemia do novo coronavírus, eram realizadas no plenário ou no gabinete da presidência.

Para a cerimônia, é esperada a presença de Cláudio Castro (PSC-RJ), atual governador em exercício do Rio de Janeiro. Ele assumiu o comando do Estado no dia 28 de agosto após a determinação dada pelo ministro Benedito Gonçalves, do STJ (Superior Tribunal de Justiça), do afastamento de Wilson Witzel do cargo por 180 dias por suspeita de corrupção.

Portilho, até então primeiro suplente, é filiado ao PSD e foi secretário do Meio Ambiente e de Habitação do Rio de Janeiro. Especializado em direito esportivo, advogou para clubes como São Paulo, Santos, Palmeiras, Cruzeiro, Fluminense e Atlético Mineiro.

Oliveira, por sua vez, morreu, no último dia 21, aos 83 anos, vítima da covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus. Ele estava internado desde o começo do mês. De acordo com comunicado, ele sofreu falência múltipla dos órgãos em função da doença.

Últimas