Apagões pelo Brasil

R7 Planalto Alcolumbre pede investigação de incêndio que causou apagão no AP

Alcolumbre pede investigação de incêndio que causou apagão no AP

Presidente do Senado disse que irá pedir à PF e ao MPF que investiguem causa de incêndio. Senador diz que laudo preliminar mostra que não foi raio 

Alcolumbre pede investigação de incêndio que causou apagão no AP

Alcolumbre pede investigação de incêndio que causou apagão no AP

REUTERS/Adriano Machado

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse nesta quinta-feira (12), por meio de nota, que ira pedir à PF (Polícia Federal) e ao MPF (Ministério Público Federal), que abram uma investigação para apurar a causa do incêndio na subestação de energia que causou o apagão no Estado. 

De acordo com Alcolumbre, uma investigação preliminar indica que o incêndio não foi causado por um raio. Alcolumbre é senador pelo Amapá e o seu irmão disputa a prefeitura de Macapá. Ontem o TSE adiou a eleição municipal na cidade em função do apagão. 

Leia abaixo a íntegra da nota. 

Nota à imprensa

A assessoria de imprensa da presidência do Senado informa que o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (Democratas-AP), vai solicitar investigação à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal sobre as causas do incêndio na subestação de energia que provocou um apagão no Amapá. Segundo Davi, um laudo preliminar da Polícia Civil informa que aparentemente não foi um raio que causou o acidente, contrariando todas as informações anteriores. O pedido do presidente do Senado visa esclarecer o que aconteceu e estabelecer a verdade dos fatos.

Assessoria de Imprensa da Presidência do Senado

Últimas