R7 Planalto Após denúncia, senador aciona TCU e MPF contra filho de Bolsonaro

Após denúncia, senador aciona TCU e MPF contra filho de Bolsonaro

Reportagem do jornal Folha de S.Paulo diz que Jair Renan teria usado gratuitamente o serviço de uma produtora que presta serviços ao governo

  • R7 Planalto | Plínio Aguiar, do R7

Na imagem, Jair Renan, filho de Bolsonaro

Na imagem, Jair Renan, filho de Bolsonaro

Reprodução/ Instagram

O senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP) protocolou, nesta quinta-feira (10), duas representações para investigar suposto beneficiamento do filho 04 do presidente Jair Bolsonaro, Jair Renan Bolsonaro, em contratos firmados pela União junto a empresas para prestação de serviços ao governo federal. 

As representações foram protocoladas junto ao TCU (Tribunal de Contas da União) e MPF (Ministério Público Federal). 

Leia mais: Oposição vai à PGR após denúncia contra filho de Bolsonaro

As denúncias foram publicadas em reportagem veiculada pelo jornal Folha de S. Paulo. De acordo com a publicação, a Astronautas Filmes foi usada gratuitamente na cobertura de fotos e vídeos da inauguração de uma empresa criada pelo filho 04 do presidente. Em 2020, a empresa já teria recebido R$ 1,4 milhão da União.

"Uma empresa com diversos contratos junto ao Poder Executivo presta serviços de forma gratuita para o filho de quem manda no Poder Executivo", questionou Rodrigues. "A justificativa apresentada, de permuta na divulgação das marcas, não se sustenta diante da situação", acrescentou.

Últimas