CNJ cancela sessão após notícia de que Fux está com covid-19

Fux presidiria a primeira sessão do Conselho desde a posse no cargo de presidente. Ministro confirmou hoje estar com o novo coronavírus

Sessão solene de posse do ministro Luiz Fux na Presidência  STF

Sessão solene de posse do ministro Luiz Fux na Presidência STF

Fellipe Sampaio /SCO/STF - 10.09.2020

O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) informou, nesta segunda-feira (14), o cancelamento de sua 58ª Sessão Extraordinária, agendada para esta terça-feira (15), às 15h. A medida foi tomada após confirmação de que o presidente do CNJ, Luiz Fux, está com covid-19 e vai manter o isolamento social

Em nota, o órgão informa que a reunião não previa o julgamento de processos. "Em ato solene, Fux presidiria a primeira sessão do Conselho desde a posse no cargo de presidente, em 10 de setembro, com apresentação de eixos da gestão. Até o momento, está mantida a realização da 318ª Sessão Ordinária, no dia 22 de setembro".

Recém-empossado presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), o ministro Luiz Fux é o primeiro entre os 11 ministros a ser infectado pelo novo coronavírus. "A suspeita é de que possa ter contraído o novo coronavírus em almoço de confraternização familiar no último sábado (12). O ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias", diz nota divulgada pela assessoria de comunicação. O presidente Luiz Fux passa bem e pretende conduzir a sessão ordinária do Plenário nesta quarta-feira (16).