Novo Coronavírus

R7 Planalto Com demissão iminente de Mandetta, secretário se despede

Com demissão iminente de Mandetta, secretário se despede

Em mensagem à própria equipe, o secretário em Vigilância e Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, avisou que a "gestão de Mandetta acabou"

  • R7 Planalto | Yuri Achcar e Christina Lemos, da Record TV, com Mariana Londres

Com demissão iminente de Mandetta, secretário se despede

Com demissão iminente de Mandetta, secretário se despede

FREDERICO BRASIL/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 09.04.2020

Acreditando em uma demissão do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, nas próximas horas ou dias, um de seus principais secretários, Wanderson Kleber de Oliveira, da Secretaria de Vigilância em Saúde, enviou mensagem de despedida aos funcionários de sua área nesta quarta-feira (15).

No texto, ele diz que "a gestão de Mandetta acabou" e, por isso, "preciso me preparar para sair junto". A carta foi compartilhada por meio do aplicativo Slack, de comunicação de equipes. 

"Mandetta é um ex-ministro no cargo", diz fonte do governo

Mandetta será demitido por Bolsonaro ainda nesta semana

No texto, o secretário indica Gerson Pereira como seu substituto interino. 

À reporter Christina Lemos, da Record TV, o secretário confirmou a autenticidade da mensagem e disse que sua saída não é novidade, saindo o líder, saem os secretários. Por ser servidor federal, Wanderson Oliveira voltará ao cargo que ocupava antes de se tornar secretário. 

Referência em Epidemiologia, Wanderson Oliveira era de total confiança de Mandetta. Esteve à frente do combate à pandemia desde o início, defendendo medidas de isolamento proporcionais ao estágio da epidemia em cada região, e de higiene, chegando a fazer demonstrações de como lavar as mãos nas pias que foram instaladas no térreo do Ministério da Saúde em Brasília.

É também de autoria de Wanderson, como chefe da equipe de Epidemiologia, o Boletim Epidemiológico número 7, que flexibilizou normas de isolamento para municípios com 50% da capacidade de atendimento disponível. E fixou as categorias: Distanciamento Social Seletivo, Distanciamento Social Ampliado.

Traz no currículo o controle da epidemia do vírus da zika, que se alastrou no País às vésperas da Olimpíada do Rio.

Leia a íntegra da mensagem 

Bom dia!

Finalmente chegou o momento da despedida. Ontem tive reunião com o Ministro e sua saída está programada para as próximas horas ou dias. Infelizmente não temos como precisar o momento exato. Pode ser um anúncio respeitoso diretamente para ele ou pode ser um Twitter. Só Deus para entender o que o querem fazer.

De qualquer forma, a gestão do Mandetta acabou e preciso me preparar para sair junto, pois esse é um cargo eletivo e só estou nele por decisão do Mandetta. No entanto, por conhecer tão profundamente a SVS, tenho certeza que parte do que fizemos na SVS vai continuar, pois é uma secretaria técnica e sempre nos pautamos pela transparência, ética e preceitos constitucionais.

A maioria da equipe vai permanecer e darão continuidade ao trabalho de excelência que sempre fizeram e para isso não precisam mais de mim.

Foi uma honra enorme trabalhar mais uma vez com você. Para que não tenhamos solução de continuidade, indiquei o meu amigo querido Gerson Pereira para ficar de Secretário interino. Ele é um Profissional excelente e vai dar seguimento a tudo que estamos fazendo.

Vou entregar o cargo assim que a decisão sobre o Mandetta for resolvida. Todos estão livres para fazer o que desejarem.

Tenho certeza que a SVS continuará grande e será maior, pois vocês é que fazem ela acontecer. Minhas contribuições foram pontuais e insignificantes, perto do que essa Secretaria é como uma só equipe. A SVS é minha escola e minha gratidão por ter trabalhado com você será eterna. Muito obrigado por me permitir estar Secretário Nacional de Vigilância em Saúde. Jamais imaginei que seria o primeiro enfermeiro a ocupar tão elevado e importante cargo e o primeiro de muitos que virão.

Últimas