R7 Planalto Com desistências, Tebet é candidata única contra Pacheco

Com desistências, Tebet é candidata única contra Pacheco

Senadora pelo MDB-MS falou nesta segunda (1º) sobre 'novo pacto político, sem lentes embaçadas da barganha política'

  • R7 Planalto | Plínio Aguiar e Mariana Londres, do R7 em Brasília

Na imagem, senadora Simone Tebet (MDB-MS)

Na imagem, senadora Simone Tebet (MDB-MS)

Jefferson Rudy/Agência Senado – 19.02.2020

A senadora Simone Tebet (MDB-MS), candidata à presidência do Senado Federal, afirmou nesta segunda-feira (1º) que sua candidatura é diferente, uma vez "que não tenho nada a oferecer a não ser o trabalho coletivo para que possamos oferecer ao Brasil um novo pacto político, sem lentes embaçadas da barganha política".

"Minha candidatura é aporte a novo barco. Não tenho nada a oferecer a não ser o trabalho coletivo para que possamos oferecer ao Brasil um novo pacto político sem lentes embaçadas da barganha política. Não tenho cargos e nem emendas a oferecer, apenas apoio de diversos setores da sociedade", afirmou Tebet.

"Temos dever de cumprir um Senado imprescindível, que nunca desertou nos momentos mais importantes da nossa história. Ao invés de manter nossas portas fechadas, precisamos manter abertas para achar a melhor porta de saída da crise. Nossa bandeira tem as cores da independência. Não para fazer oposição, mas para cumprir o dever de legislar e fiscalizar demais Poderes", acrescentou.

A senadora criticou, portanto, o pagamento de emendas parlamentares no valor de R$ 504 milhões, pagos pelo governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), para redutos eleitorais de deputados e senadores até o útimo dia 26, conforme a indicação de congressistas. 

O governo tem usado os recursos para aumentar a base de apoio no Congresso e atrair votos para as candidaturas de Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), respectivamente. 

Logo após o término do discurso de Tebet, o senador Lasier Martins (Podemos-RS) também retirou sua candidatura em apoio a senadora emedebista nesta segunda-feira (1º). Dessa forma, Tebet é a única candidata contra Pachedo, apoiado pelo presidente Bolsonaro.

Últimas